1º Curso Especial Básico de Análise de Imagens Aplicadas à Inteligência Operacional

Com o propósito de contribuir para o incremento da mentalidade de Inteligência de Imagens na Marinha do Brasil (MB), o Comando de Operações Navais (ComOpNav)  está coordenando, entre os dias 06 de novembro e 1º de dezembro, o 1° Curso Especial Básico de Análise de Imagens Aplicadas à Inteligência Operacional (C-Esp-B-IMINT), no Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão.

O Capitão de Mar e Guerra Marcelo Alcides Albuquerque da Costa durante o curso

A abertura do curso foi realizada pelo Subchefe de Inteligência Operacional do ComOpNav, Contra-Almirante Marcos Borges Sertã, que em suas palavras iniciais afirmou que mais importante que obter imagens, é saber analisá-las. “A realização deste curso foi um grande esforço do Comando de Operações Navais (…) os selecionados foram escolhidos dentre muitos interessados, a responsabilidade é grande, pois os senhores serão os disseminadores das informações e dos conhecimentos aqui adquiridos”, afirmou.

Em seguida, o Diretor do Centro de Guerra Eletrônica da Marinha (CGEM), Capitão de Mar e Guerra Marcelo Alcides Albuquerque da Costa, realizou a Aula Inaugural para os 14 militares selecionados. Durante sua apresentação, abordou o histórico, o emprego estratégico-operacional e a aplicação da Inteligência de Imagens no apoio ao planejamento de operações militares proporcionando, inclusive, economia de recursos, por fornecer dados que contribuem para o planejamento e otimizar as ações dentro da área de operação. Também foram citados os casos em que o CGEM, como Organização Militar Orientadora Técnica (OMOT) de Inteligência de Imagem da MB desde 2012, contribuiu com o fornecimento de imagens durante a execução das mais variadas missões da Força, que vão desde o mapeamento de áreas marítimas até a aplicação em geointeligência terrestre, como, por exemplo, nas Operações de emprego de tropa na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).

Durante o curso, serão ministradas disciplinas sobre “Nivelamento em Sensoriamento Remoto, Geociências e Sistemas de Informações Geográficas (SIG)”, Noções de “Processamento de Imagens Óticas”, “Processamento de Imagens SAR (Radar de Abertura Sintética)”, “Interpretação de Imagens” e “Análise de Imagens”. O objetivo é preparar Oficiais e Praças para a condução de atividades básicas de Inteligência de Imagens relacionadas diretamente à Inteligência Operacional, focadas nas demandas da MB.

O Contra-Almirante Marcos Borges Sertã na abertura do curso para os militares

Para o Segundo-Tenente fuzileiro naval Celso Tadeu Silva de Deus, do Batalhão de Comando e Controle do Comando da Divisão Anfíbia (ComDivAnf), foi um privilégio ser selecionado“O local onde eu sirvo trabalha com três linhas de ação (…) a parte de Comunicações, de Guerra Eletrônica e de Inteligência (…) o Curso vai ser muito importante, pois vai me capacitar para trabalhar com Inteligência de Imagens nas Operações que o meu Batalhão participa”.

(CCSM/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>