9º GAC relembra, em Nioaque, os 149 anos da Retirada da Laguna

9º GAC relembra, em Nioaque, os 149 anos da Retirada da Laguna

Nioaque (MS) – No dia 23 de setembro, o 9º Grupo de Artilharia de Campanha participou da rememoração os 149 anos da Retirada da Laguna, realizando a encenação, em praça pública, do episódio histórico ocorrido naquela época em Nioaque (MS). O corpo teatral foi composto por cerca de 150 atores, dentre civis da comunidade local e militares.

laguna-1

A atividade reuniu historiadores, pesquisadores civis e militares, professores e alunos da Universidade Federal e Estadual do Mato Grosso do Sul e da Universidade Federal da Grande Dourados. O principal objetivo era promover o estudo e a divulgação do evento histórico e a participação na 12ª Jornada Cultural da Retirada da Laguna.

O evento foi prestigiado pelo Diretor de Patrimônio Histórico e Cultural do Exército, General de Brigada Severino de Ramos Bento da Paixão; pelo Chefe do Estado-Maior Comando Militar do Oeste, General de Brigada José Carlos Braga de Avellar; pelo Chefe do Centro de Estudos e Pesquisa de História Militar do Exército, General de Brigada Marcio Tadeu Bettega Bergo; e por autoridades do Estado do Mato Grosso do Sul e dos municípios da região.

O que foi a Retirada da Laguna?

A Retirada da Laguna foi um episódio da Guerra da Tríplice Aliança, com uma coluna que havia partido do Rio de Janeiro, em 1865, sendo reforçada na então Província de Minas Gerais. Os militares percorreram mais de dois mil quilômetros por terra, para chegarem a Coxim, na Província do Mato Grosso, em dezembro do mesmo ano.

Em janeiro de 1867, o Coronel Carlos de Morais Camisão assume o comando da coluna, que havia sido reduzida a 1.680 homens. O Coronel decidira invadir o território paraguaio e avançou até Laguna. No entanto, estava distante demais das linhas brasileiras e seus homens foram atingidos por doenças, como tifo, cólera e beribéri, sem contar a falta de víveres. Foram, então, forçados a se retirarem do território paraguaio e retrair para a Região do atual Estado do Mato Grosso do Sul, entre os atuais municípios de Bela Vista e Anastácio (ambos no Mato grosso do Sul).

A Retirada ocorreu sob o ataque da cavalaria paraguaia e, dos três mil homens, retornaram apenas 700 ao Brasil.

(CCOMSEX/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *