Academia Militar das Agulhas Negras homenageia o General Ramos

Academia Militar das Agulhas Negras homenageia o General Ramos

Um dia, dos 47 anos de serviços prestados ao Exército Brasileiro, para ficar na história. Em 11 de agosto, uma vasta programação foi cumprida na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) para homenagear o Ministro de Estado Chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, General de Exército Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira. Para compor a simbólica visita à AMAN, um pelotão de motociclistas devidamente trajados veio acompanhar de perto a despedida da AMAN. Tratam-se dos amigos da turma de 1979, que se orgulham por verem um cadete tornar-se Ministro.

Após a recepção ao General Ramos, que contou com a presença do Vice-Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército, General de Divisão Mansur; do Diretor de Educação Superior Militar, General de Divisão Cardoso Martins; e do Comandante da AMAN, General de Brigada Dutra, foi realizada uma formatura no Pátio Tenente Moura. “A AMAN encontra-se com público reduzido também em razão das inúmeras atividades as quais nossos cadetes e os cursos estão envolvidos. Mas nunca deixa de ser uma recepção calorosa e de muita gratidão à sua presença”, afirmou o Comandante da Academia.

Em seguida, na Biblioteca Marechal José Pessôa, ocorreu a apresentação dos oficias ao General Ramos. E foi aí que o ilustre visitante descobriu que inúmeros militares presentes foram seus cadetes no período em que esteve como Instrutor-chefe da Seção Especial de Instrução (SIEsp).

Foi também neste momento que o General Ramos fez questão de relembrar as diversas funções que exerceu na AMAN e o quanto cada setor é fundamental para o ensino na Academia. Desde a Comunicação Social, passando pelo Corpo de Cadetes, Divisão de Ensino, Prefeitura Militar e a cada um dos Cursos e Seções, ele destacou que, além dos amigos que o Exército dá a cada um que ingressa na Força, é também essencial o apoio da família para que o militar possa se desenvolver ao longo de sua carreira e servir à nação à altura que o país merece.

A programação também teve, ainda,uma visita na SIEsp, onde o General Ramos foi recebido pelo Tenente-Coronel Souza Costa, Instrutor-Chefe da Seção.

Durante a sua palestra final, o General falou sobre pontos como a sustentabilidade que otimiza e gera economia para o Exército, por meio do uso de tecnologia nas instruções aos cadetes; o poder da adaptabilidade para transpor os desafios que lhe são impostos, tendo em vista as inúmeras funções exercidas por um militar ao longo de sua vida; o crescimento exponencial do ingresso da mulher na Força e em diversos setores da sociedade;  o pundonor militar e o sentimento de dever, dentre outros temas. “Devemos ser exemplos, ao longo de toda nossa carreira, para os que ingressam. Do soldado ao general, todos vestimos a mesma farda e temos as mesmas oportunidadees”, afirmou.

Com o entusiasmo inerente à profissão militar, o General encerrou sua passagem pela Academia Militar das Agulhas Negras com uma foto oficial junto aos companheiros de turma e aos que serviram junto com ele em suas passagens pela AMAN, em 1991, ainda Capitão, e de 1999 a 2000, quando era Coronel.

(CCOMSEX/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *