Adoção de práticas sustentáveis e de preservação da natureza em foco na Semana do Meio Ambiente

Brasília (DF) – Mudar hábitos do dia a dia da família militar em nome da preservação ambiental. Esse é o foco da Semana do Meio Ambiente, promovida pelo Comando Militar do Planalto (CMP) e pela 11ª Região Militar (11ª RM), em Brasília. A abertura ocorreu no dia 3 de junho, na Praça Tom Jobim (Setor Militar Urbano), com uma ação comunitária. Ao longo da semana, serão desenvolvidas outras atividades voltadas para a sustentabilidade e conscientização a respeito da importância da conservação dos recursos naturais.

A Semana do Meio Ambiente foi aberta pelo Comandante da 11ª RM, General de Brigada João Denison Maia Correia, que falou sobre a relevância de levar a conscientização até o nível do indivíduo. “Não adianta só os quartéis adotarem medidas de preservação ambiental, se a família militar continuar produzindo resíduos no mesmo volume. A intenção é despertar, de alguma forma, o sentimento de responsabilidade pessoal com relação a suas atitudes. Julgamos que essa mobilização em prol da ecologia seja importante não só institucionalmente, mas também de forma individual”, salientou.

Quem compareceu ao evento participou de atividades educativas, como oficinas para o melhor aproveitamento de gêneros alimentícios, orientações sobre a correta destinação de lixo eletrônico e reciclagem de materiais diversos. Além disso, também houve palestras sobre saúde e bem-estar, apresentação do coral do Colégio Militar de Brasília (CMB), exibição dos Cães de Guerra do Batalhão de Polícia do Exército de Brasília, passeios com os cavalos do 1º Regimento de Cavalaria de Guardas e aulões de Yoga Fit Dance.

Um dos destaques foi a presença de alunos que integram o Clube de Estudos Ambientais do CMB. O grupo congrega estudantes e professores que estimulam iniciativas para amenizar problemas ambientais. “Durante esse evento, estamos explicando ao público sobre o projeto Pegada Ecológica, que mostra como o descarte de materiais como celulares ou até travesseiros podem ser tóxicos ao meio ambiente se feitos de forma incorreta”, declarou o Aluno Bouças, do 2º Ano do Ensino Médio. Sua colega de turma, a Aluna Isabela Costa, acrescentou que a mudança de atitude em relação à natureza começa com pequenos gestos. “Podemos iniciar com coisas básicas, como apagar as luzes da casa ou evitar desperdício de comida. Há muito o que fazer que está ao nosso alcance, basta se conscientizar”, concluiu.

(CCOMSEX/AGÊNCIA VERDE-OLIVA/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>