Aldo Rebelo visita Regimento Tiradentes

São João Del-Rei (MG), 21/04/2016 - O Ministro da Defesa, Aldo Rebelo, visitou, nesta quinta-feira, Dia de Tiradentes, o 11º Batalhão de Infantaria da Montanha (Regimento Tiradentes), em São João del-Rei (MG). Durante almoço oferecido à comitiva, o comandante da organização militar, coronel Andrelucio Ricardo Couto, contou episódios da história do Batalhão.

O 11º Batalhão também participou da força de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) em Angola (1996) e no Haiti (2008, 2010 e 2012)

O 11º Batalhão também participou da força de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) em Angola (1996) e no Haiti (2008, 2010 e 2012)

A unidade foi criada em Rio Pardo, Rio Grande do Sul, em 1888, como 28º Batalhão de Infantaria, e chegou em São João del-Rei em 1897, após retornar da campanha de Canudos, na Bahia. Em 1920, recebeu o reforço do 54º Batalhão de Caçadores e se estruturou em 11º Regimento de Infantaria. Por suas fileiras passaram o capitão Virgulino Ferreira da Silva, Lampião, e Luiz Gonzaga, o Rei do Baião. É a primeira Unidade de Montanhismo Militar do Exército Brasileiro e a pioneira em desenvolver técnicas e táticas em terreno montanhoso.

O Batalhão teve participação gloriosa e consagradora na 2ª Guerra Mundial, como integrante da Força Expedicionária Brasileira e participante da conquista de Montese, o mais sangrento combate travado por tropa brasileira naquele conflito. “Cabe ressaltar”, afirmou o comandante Andrelucio, “que três sanjoanenses que lá morreram, heróis brasileiros, foram homenageados com uma placa feita por tropas alemãs, reverenciando suas atitudes e valentia em combate – os únicos militares das forças aliadas a receberam tal reconhecimento”.

O 11º Batalhão também participou da força de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) em Angola (1996) e no Haiti (2008, 2010 e 2012), e de grandes eventos ocorridos no Brasil, como os V Jogos Mundiais Militares, Rio +20, Copa das Confederações, Jornada Mundial da Juventude e Copa do Mundo, e também na pacificação dos Complexos da Alemão e da Penha, no Rio de Janeiro.

Saudando o histórico do Batalhão e as figuras dos Inconfidentes, o ministro Aldo afirmou que, “neste momento, em que o Brasil enfrenta dificuldades, pode encontrar energia na memória das ações destes brasileiros que nos inspiram na confiança da construção de um grande país”.

Fotos: Tereza Sobreira/MD

(MD ASCOM/ FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>