Alterações nas Normas da Autoridade Marítima são apresentadas em Salvador

Alterações nas Normas da Autoridade Marítima são apresentadas em Salvador

A Capitania dos Portos da Bahia realizou, em 27 de setembro, a Reunião do Conselho de Assessoramento com representantes de marinas, clubes, entidades desportivas, estabelecimentos de treinamento náutico e despachantes.

Comunidade náutica se reuniu no auditório da Capitania dos Portos da Bahia
Comunidade náutica se reuniu no auditório da Capitania dos Portos da Bahia

O objetivo foi abordar as alterações das Normas da Autoridade Marítima (NORMAM) 03, da Diretoria de Portos e Costas (DPC), que versa sobre “Amadores, Embarcações de Esporte e/ou Recreio e para Cadastramento e Funcionamento das Marinas, Clubes e Entidades Desportivas Náuticas”.

A reunião foi conduzida pelo Chefe do Departamento de Segurança do Tráfego Aquaviário, Capitão de Corveta (T) Carlos Augusto de Souza Junior, acompanhado da Encarregada da Divisão de Cadastro, Capitão-Tenente (T) Cláudia Diniz da Silva Verçosa.

Um dos pontos que chamou a atenção dos participantes foi a alteração nos procedimentos para a realização de aulas práticas para as categorias de Arrais-Amador e Motonauta. De acordo com as mudanças normativas, para a execução das aulas, os estabelecimentos de treinamento náutico deverão possuir embarcação cadastrada nas Capitanias, a qual deverá estar identificada com uma faixa/placa amarela, em local visível do costado, com a inscrição “Treinamento Náutico”.

Para o Capitão de Corveta (T) Carlos Augusto, “as mudanças da NORMAM 03 vão impactar diretamente na qualidade do serviço prestado aos alunos, o que vai proporcionar ainda mais segurança à navegação”. O oficial destacou, ainda, que a DPC estabeleceu o dia 1º de janeiro de 2017 como data limite para os estabelecimentos de treinamento se adequarem às novas exigências.

(CCSM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *