Aniversário do Centro de Coordenação de Operações do CMO

Aniversário do Centro de Coordenação de Operações do CMO

A manhã do dia 6 de dezembro foi marcada pela solenidade militar em comemoração ao 15º aniversário do Centro de Coordenação de Operações do Comando militar do Oeste (CCOp/ CMO). Autoridades civis e militares participaram da formatura presidida pelo Diretor de Educação Preparatória e Assistencial (DEPA), General de Brigada Francisco Carlos Machado Silva.

Durante a solenidade, algumas personalidades que se destacaram no apoio às atividades desenvolvidas pelo Centro receberam a moeda comemorativa, criada em 2018, pelo, então, Chefe do CCOp, General de Brigada Carlos Henrique Teche.

A história do Centro de Coordenações começou em dezembro de 2004, quando foi criado o então Centro de Operações do Comando Militar do Oeste e 9ª Divisão de Exército. Em 2005, o Decreto nº 5.426, de 19 de abril, extinguiu a então 9ª Divisão de Exército, incorporando seus cargos e missões ao CMO. Em 2007, foi nomeado o primeiro chefe do então Centro de Operações do CMO, o General de Brigada João Henrique Carvalho de Freitas. De sua criação até a data de hoje, o Centro já foi chefiado por 10 generais.

“Somos gratos a esses chefes e suas equipes de trabalho, pois suas ideias tornaram-se realidade e pavimentaram o caminho para o sucesso das ações no presente. Uma delas, devido ao aumento da importância dada ao COP na desafiante missão de coordenar as operações militares do CMO, particularmente face às operações na faixa de fronteira, foi a inauguração, em 31 de março de 2014, das novas instalações do Centro, neste local”, enfatizou o Chefe do CCOp/CMO, General de Brigada Cristiano Pinto Sampaio.

Em 2016, o COP ganhou sua atual denominação, passando a se chamar Centro de Coordenação de Operações do Comando Militar do Oeste ou CCOp do CMO. “Agradeço e parabenizo aos integrantes do CCOp pela excelência do trabalho realizado. Desejo que o entusiasmo esteja sempre presente em nossas vidas para que possamos continuar servindo ao Brasil, com profissionalismo e retidão”, disse o General Pinto Sampaio.

“Muito sucesso e que prossigam nessa caminhada. Quem agradece não é o CMO, mas, principalmente, a sociedade brasileira que encontrará o êxito das Operações da Fronteira e uma melhor qualidade de vida, em especial na área de segurança pública”, finalizou o Chefe do Estado-Maior do CMO, General de Brigada Giovany Carrião de Freitas.

(CCOMSEX/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *