Base Aérea de Florianópolis sedia exercício simulado de apoderamento ilícito de aeronaves

Base Aérea de Florianópolis sedia exercício simulado de apoderamento ilícito de aeronaves

Os envolvidos foram treinados nas medidas afetas às legislações que regem a segurança aeroportuária

A Base Aérea de Florianópolis (BAFL) sediou no final do mês de junho o Exercício Simulado de Apoderamento Ilícito de Aeronaves (ESAIA). Participaram da atividade militares do Batalhão de Infantaria da própria BAFL, juntamente com profissionais da Polícia Federal e da Polícia Militar do Estado de Santa Catarina. O objetivo da atividade foi promover a integração entre os órgãos e empresas participantes do Programa de Segurança Aeroportuária – PSA e faz parte dos preparativos para os Jogos Olímpicos Rio 2016, pois a capital catarinense receberá algumas delegações.

BASE AEREA 1

Os envolvidos foram treinados nas medidas afetas às legislações que regem a segurança aeroportuária em situações de interferência ilícita, como sequestro de aeronaves. “A realização do exercício simulado é de grande importância para o bom andamento da atividade aérea, pois treinamentos como esse garantem a pronta-resposta às condições adversas”, afirmou o Tenente-Coronel Antonio Ferreira de Lima Júnior, Comandante da BAFL.

(CECOMSAER/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *