Diretor do CID agradece apoio recebido pelo Ministério da Defesa

O diretor do Colégio Interamericano de Defesa (CID), Major General James E. Taylor, realizou na segunda-feira (5) visita de cortesia às autoridades do Ministério da Defesa. O intuito foi de agradecer o apoio do Brasil à instituição. O Major General foi recebido pelo Chefe de Assuntos Estratégicos, Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros, e pelo Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho.

Da esquerda para a direita, Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros, Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho e Major General James E. TaylorDa esquerda para a direita, Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros, Tenente-Brigadeiro do Ar Raul Botelho e Major General James E. Taylor

O CID é uma instituição acadêmica internacional, ligada à Junta Interamericana de Defesa, sediada no Fort McNair, em Washington (EUA). A missão brasileira no CID está sob responsabilidade do Ministério da Defesa e conta com militares em diversas funções e alunos do mestrado de Defesa Hemisférica. Desde janeiro, o almirante Silvio Luís dos Santos é o vice-diretor da instituição. É a quinta vez consecutiva que o Brasil é eleito pelo conselho de delegados do Colégio Interamericano de Defesa (CID) a permanecer da vice direção da instituição.

Em junho, o General de Divisão do Exército Brasileiro Luciano José Penna assumiu a presidência do Conselho de Delegados da Junta Interamericana de Defesa (JID). A instituição também conta com a participação do Capitão de Mar e Guerra Valdinei Ciola, na direção da Secretaria de Assuntos Administrativos e Conferências da JID.

Por Júlia Campos

Fotos: Tereza Sobreira

(MD ASCOM/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>