CEFAN recebe visita do Presidente da Caixa Econômica Federal

CEFAN recebe visita do Presidente da Caixa Econômica Federal

O Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN) recebeu, em 23 de julho, a visita institucional do Presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Duarte Guimarães, recepcionado pelo Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, Almirante de Esquadra (FN) Jorge Armando Nery Soares. O objetivo foi o acompanhamento das atividades relacionadas aos Programas Olímpico e Paralímpico da Marinha (PROLIM e PARAPROLIM) e aos jovens do Programa Forças no Esporte (Profesp) e do Projeto João do Pulo (PJP) que treinam nas instalações da Organização Militar (OM).
A programação teve início com uma palestra proferida pelo Presidente da Comissão de Desportos da Marinha (CDM) e Comandante do CEFAN, Contra-Almirante (FN) Elson Luiz de Oliveira Góis. Na sequência, a comitiva percorreu as instalações da OM, entre elas o Ginásio “Amazônia Azul”, o Centro de Levantamento de Peso Olímpico (LPO), a Pista de Atletismo e o Parque Aquático. A visita incluiu, ainda, apresentações das Bandas Marcial e Sinfônica do Corpo de Fuzileiros Navais e do Projeto Música e Cidadania, que beneficia jovens de áreas carentes do Centro do Rio de Janeiro.
Em todos os espaços, os membros da CEF interagiram com os jovens e atletas contemplados pelos programas e projetos sociais, como Tayana Medeiros, destaque do halterofilismo com vaga garantida na Paralimpíada de Tóquio. Com apenas três meses de treinamento, Tayana já participava de competições que a levaram ao Campeonato Brasileiro e à Copa do Mundo da modalidade, na Hungria, torneio classificatório para Tóquio. Hoje, ela diz, orgulhosa, é a mulher mais forte do Brasil em sua categoria. “As pessoas não me olham mais como a menina coitadinha, mas como uma mulher que se superou. O esporte mudou não só a minha vida e da minha família, mas vai mudar ainda a de muita gente ao meu redor. Queria agradecer todo o suporte da Marinha e do CEFAN, por não desistirem dos nossos sonhos”, afirmou.
O CEFAN é um dos principais núcleos do PJP, coordenado pelo Ministério da Defesa em parceria com outras Pastas, como da Cidadania, da Educação e a da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Na OM, o projeto prioriza crianças, jovens e adolescentes com deficiência física adquirida em decorrência de acidentes ou enfermidades, a fim de encontrar e desenvolver novos talentos esportivos. O CEFAN conta com as modalidades paralímpicas de natação, tiro esportivo, atletismo e halterofilismo e, atualmente, tem 63 atletas.
Presidente da CEF foi recepcionado pelo Comandante-Geral do CFN
Graças ao acordo de cooperação firmado com a própria CEF em março deste ano, a ideia é ampliar esse número para cem atletas, contratando, também, técnicos e monitores especializados, adquirindo materiais desportivos específicos e investindo em acessibilidade. O objetivo principal é preparar os atletas para representar o Brasil nos grandes eventos do esporte paralímpico de alto rendimento tanto no País quanto no exterior. “Queremos dar continuidade e ampliar ainda mais essa parceria, a fim de atingir um número maior de crianças e atletas. Esse projeto, além de representar o esporte brasileiro, ajuda a melhorar a qualidade de vida dessas pessoas ao reinseri-las na sociedade. Isso gera um orgulho muito grande”, explicou o Presidente da CEF durante visita ao Centro de Levantamento de Peso Olímpico, onde conheceu Tayana. “Com essa parceria encontramos muitas pessoas que viviam em vulnerabilidade total e que acabaram se descobrindo como atletas e cidadãs brasileiras”, completou a atleta paralímpica.
(CCSM/FM)
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *