Cerimônia marca transmissão do cargo de Comandante de Operações Aeroespaciais

Cerimônia marca transmissão do cargo de Comandante de Operações Aeroespaciais

A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou, nesta sexta-feira (09/04), em Brasília (DF), a cerimônia militar de transmissão do cargo de Comandante de Operações Aeroespaciais (COMAE), do Tenente-Brigadeiro do Ar Jeferson Domingues de Freitas ao Tenente-Brigadeiro do Ar Sergio Roberto de Almeida. A solenidade foi presidida pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez.

Participaram, ainda, do evento, os Ministros do Superior Tribunal Militar, Tenente-Brigadeiro do Ar Franscisco Joseli Parente Camelo e Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Augusto Amaral Oliveira; o Comandante da Aeronáutica indicado, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior; além de outros Oficiais-Generais da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira.

Em seu discurso, o Comandante da Aeronáutica falou da importância do COMAE e cumprimentou o Tenente-Brigadeiro Almeida, desejando sucesso à frente do Comando de Operações Aeroespaciais. “Militar altamente capacitado, com quem tive o privilégio de conviver ao longo destes anos. Com toda a certeza, suas virtudes, aliadas às de sua brilhante equipe, irão coroar de sucesso as ações que couberam implementar, em proveito da Força Aérea e do bem do nosso País”, acrescentou.

Desafios
No evento, o Tenente-Brigadeiro Almeida comentou sobre a sua ascensão ao Comando de Operações Aeroespaciais. “É a essência da missão de um aviador militar. Estou extremamente satisfeito de ter sido escolhido para essa função, e chegar hoje a essa oportunidade de assumir o Comando do COMAE”, salientou.

O novo Comandante do COMAE é natural da cidade de Porto Alegre (RS). Foi declarado Aspirante a Oficial Aviador em 12 de dezembro de 1984 e promovido ao atual posto em 25 de novembro de 2020. Possui todos os cursos acadêmicos de carreira e, ainda: MBA em Desenvolvimento Gerencial Avançado – Gestão De Política e Defesa pela Universidade Federal Fluminense.

Dentre as principais funções exercidas estão: Comandante do 1º Esquadrão do 1º Grupo de Aviação de Caça; Observador Militar da ONU na Ex-Iugoslávia; Primeiro Comandante do 3º/3º Grupo de Aviação – Flecha 01; Comandante da Base Aérea de Porto Velho; Adido de Defesa e Aeronáutica do Brasil na Itália; e Vice-Chefe Do Estado-Maior da Aeronáutica.

O novo Comandante do COMAE possui mais de 3.700 horas de voo, sendo mais de 3.000 em aeronaves de caça. Já recebeu 19 condecorações nacionais e duas estrangeiras.

Despedida 

Na cerimônia, o Comandante substituído despediu-se do serviço ativo, agradeceu a todos que participaram de sua trajetória na FAB e lembrou de importantes realizações da Força Aérea que teve a oportunidade de participar. “Não poderia existir maior honra para um combatente do que encerrar a carreira no ambiente operacional e para o qual fomos formados, especialmente nesse momento tão complexo para o Brasil e para o mundo, onde tive a oportunidade de viver intensamente a nossa FAB, transportando usinas de oxigênio, cilindros de oxigênio, vacinas, insumos hospitalares, salvando vidas”, frisou.

O Comandante da Aeronáutica ressaltou a gestão do Tenente-Brigadeiro Domingues, relembrando fatos marcantes para a FAB na trajetória militar do Oficial-General. “O Brigadeiro Domingues capitaniou diversos feitos, dentre os quais está a inauguração da primeira Torre de Controle Remota do Hemisfério Sul, instalada na Base Aérea de Santa Cruz. Realizou, também, com êxito, a substituição e a modernização dos radares das fronteiras brasileiras, aumentando, sobremaneira, a capacidade de defesa do País”, citou, dentre muitas outras realizações.

Em um gesto de reconhecimento e respeito, o Cadete-Aviador Yuri Nunes Bittar passou às mãos do Tenente-Brigadeiro Domingues, para custódia definitiva, o Espadim de Cadete da Aeronáutica, marco inicial de sua carreira.

Como símbolo do dever cumprido, o Tenente-Brigadeiro Domingues recebeu uma homenagem com uma recordação da Força Aérea Brasileira.

O Oficial-General recebeu, ainda, a insígnia de Tenente-Brigadeiro do Ar, oferecida pelo Major Aviador Bruno Vieira Passos, Oficial que, como assistente, o acompanhou no último ano da carreira.

Clique aqui e assista ao vídeo da cerimônia.

Fotos: Sargento Bianca Viol / CECOMSAER

Vídeo: Sargento Keyla dos Santos / CECOMSAER

(CECOMSAER/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *