CGEM encerra o primeiro Curso Especial de Guerra Eletrônica para Oficiais

CGEM encerra o primeiro Curso Especial de Guerra Eletrônica para Oficiais

Entre o período de 05 de julho a 23 de setembro, 15 Oficiais concluíram, com aproveitamento, o primeiro Curso Especial de Guerra Eletrônica para Oficiais (C-Esp-GE-OF) após 3 meses de aulas presenciais nas dependências do Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão (CAAML).

Oficiais alunos e instrutores da Turma 1/2016 do C-ESP-GE-OF
Oficiais alunos e instrutores da Turma 1/2016 do C-ESP-GE-OF

Sob a coordenação do Centro de Guerra Eletrônica da Marinha (CGEM), as disciplinas do C-Esp-GE-OF abordaram temas relevantes sobre guerra eletrônica e seu contexto atual, com enfoque no processamento de sinais radar, Medidas de Ataque Eletrônico (MAE) e Medidas de Proteção Eletrônica (MAE); Inteligência de Comunicações (COMINT); Inteligência de Imagens (IMINT); fundamentos de sensoriamento remoto; processamento de imagens ópticas/SAR; princípios de geointeligênciaprincípios das antenas, microondas e eletro-óptica.

O curso teve a participação de 4 Oficiais de Superfície, 1 Oficial Submarinista, 4 Oficiais Aviadores Navais, 1 Oficial Fuzileiro Naval, 3 Oficiais da Força Aérea Brasileira e 2 Oficiais do Exército Brasileiro. Tal composição permitiu que os assuntos fossem abordados de forma multidisciplinar, admitindo ainda explorar o emprego da guerra eletrônica sob o enfoque das operações conjuntas. Cabe ressaltar, uma menção especial ao 10 colocado do curso, Capitão-Tenente Gabriel Boehmer Leite, do Comando do 10 Esquadrão de Helicópteros Antissubmarino.

Desta forma, os objetivos propostos pelo C-Esp-GE-OF foram atingidos, sejam o de garantir a permanente e contínua qualificação de Oficiais nesta área de conhecimento e o de contribuir para a formação de uma sólida e permanente mentalidade de guerra eletrônica na Marinha do Brasil.

(CCSM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *