Chegada dos navios em Ladário encerra a Operação “Celeiro”

Chegada dos navios em Ladário encerra a Operação “Celeiro”

Na manhã de sábado, dia 16 de abril, a Operação “Celeiro” foi encerrada, com a chegada dos navios subordinados ao Comando da Flotilha de Mato Grosso à Base Fluvial de Ladário.

Embarcações participantes da Operação “Celeiro” regressam para a Base Fluvial de Ladário
Embarcações participantes da Operação “Celeiro” regressam para a Base Fluvial de Ladário

Durante 19 dias, foram realizadas simultaneamente diversas atividades operativas pela Marinha do Brasil na região do Pantanal. Entre as cidades de Ladário (MS) e Cáceres (MT), durante toda a navegação realizada nos rios Paraguai, Bracinho, Sararé e Formoso, foram executados patrulhas e treinamento de navegação com oposição de meios de superfície, meios aeronavais e tropas terrestres. Além disso, numa região localizada a 45 km ao sul de Cáceres, aconteceu um exercício de operações ribeirinhas de retomada fictícia.

A Capitania Fluvial do Pantanal e suas Organizações subordinadas inspecionaram, nas regiões de Alta Floresta, Sinop, Juruena, Lago do Manso, Barão de Melgaço e Porto Jofre, 340 embarcações, das quais 25 foram notificadas e 3 apreendidas.

No campo da assistência hospitalar, o Navio “Tenente Maximiano” realizou 591 atendimentos médicos e odontológicos e distribuiu 11.200 medicamentos nas proximidades de Cáceres, envolvendo a população ribeirinha em Santo Antônio das Lendas, Baiazinha, Fazenda Barraco Vermelho e Porto Carne Seca.

Navios atracando no Cais da Base Fluvial
Navios atracando no Cais da Base Fluvial

A Operação contou com a participação de nove navios, duas aeronaves, tropas do Corpo de Fuzileiros Navais, lanchas, viaturas e o apoio conjunto de embarcações e tropas do Exército Brasileiro, totalizando 800 militares envolvidos.

(CCSM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *