Comandante da Marinha Preside Solenidade de Encerramento do CEMC

Comandante da Marinha Preside Solenidade de Encerramento do CEMC

No dia 14 de novembro, foi realizada na Escola Superior de Guerra (ESG) a cerimônia de encerramento do Curso de Estado-Maior Conjunto (CEMC) de 2014, Turma “Almirante de Esquadra Marcos Martins Torres”, composta por 17 oficiais superiores das Forças Singulares, sendo 6 da Marinha, 10 do Exército e 1 da Aeronáutica.

Comandante da Marinha Preside Solenidade 6A solenidade foi presidida pelo Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Julio Soares de Moura Neto, com a presença do Chefe de Operações Conjuntas do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Almirante de Esquadra Ademir Sobrinho; do Vice-Chefe de Operações Conjuntas do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Major-Brigadeiro do Ar Carlos Eurico Peclat dos Santos; do Diretor da Escola de Guerra Naval, Contra-Almirante Antonio Fernando Garcez Faria; do Chefe do Estado-Maior do Comando do 1º Distrito Naval, Contra-Almirante Wladmilson Borges de Aguiar, representando o Comandante do 1º Distrito Naval; do Subchefe de Logística do Comando de Operações Navais, Contra-Almirante Cláudio Henrique Mello de Almeida; do Diretor de Educação Preparatória e Assistencial do Exército, General de Brigada Luiz Cláudio Gomes Gonçalves, representando o Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército; do General de Brigada R/1 Sérgio José Pereira; das Senhoras Helena Alice Finamore Torres, Tatiana Costa Torres, e Gisela Costa Torres, respectivamente, esposa e filhas do Almirante Torres; e demais personalidades civis e militares.

Comandante da Marinha Preside Solenidade 1Durante a solenidade, o orador da Turma, Tenente-Coronel de Comunicações Andrei Clauhs, discursou em nome dos formandos, seguindo-se a entrega dos diplomas pelos integrantes da Mesa de Honra, e dos distintivos pelas madrinhas e padrinhos.

Em prosseguimento, o Coronel de Artilharia Américo Dinis Rebelo da Cunha Pereira, Representante da Turma “Almirante de Esquadra Marcos Martins Torres”, o Comandante da Marinha, o Comandante da ESG e a esposa do Almirante Torres, inauguraram a placa com os nomes dos concludentes do CEMC pela Escola Superior de Guerra.

O Almirante Leal Ferreira expressou aos estagiários suas congratulações pela conquista alcançada naquela data, destacou a interoperabilidade como o norte das atividades do curso, e acrescentou seu testemunho a respeito do patrono, expressando-se assim: “Espero que o Almirante de Esquadra Marcos Martins Torres, Almirante Torres, que dá nome à turma do CEMC/2014, seja sempre lembrado como exemplo e inspiração no desafio de sobrepujar os obstáculos que surgirem nos seus caminhos. O orador e o representante da turma já apresentaram diversas facetas da bela personalidade, do caráter e do perfil profissional do Almirante Torres, mas quero abrir um parêntese para dar o meu depoimento pessoal”.

Comandante da Marinha Preside Solenidade 4“O Almirante Torres foi o meu primeiro chefe após o meu embarque na Esquadra ao término da viagem de Guarda Marinha. Apresentei-me no Contratorpedeiro Sergipe e fui ser o Ajudante da Divisão O-1, a Divisão de Comunicações, cujo encarregado era o então Capitão-Tenente Torres. Dentre as inúmeras características e qualidades deste oficial exemplar, quero citar três que muito me marcaram: seu enorme comprometimento com o navio e com a Marinha, sua total honestidade de propósitos e sua lealdade, tanto para com os superiores como para com os subordinados. Lealdade que se traduzia na clareza das ordens, na firmeza ao corrigir falhas e no saber reconhecer o trabalho bem realizado. Dessa convivência nasceu uma enorme amizade entre nós dois, amizade da qual muito me orgulho e que me traz enormes saudades.”

Comandante da Marinha Preside Solenidade 3Antes de encerrar a cerimônia, o Comandante da Marinha ratificou os atributos característicos da personalidade do Paraninfo da Turma, o perfeito desempenho no transcurso de suas Comissões, além de destacar a grande amizade que desenvolveram na convivência da Praça D’Armas do Contratorpedeiro Sergipe.

O Curso de Estado-Maior Conjunto

O CEMC destina-se a preparar oficiais superiores das Forças Armadas para o exercício de funções nos Estados-Maiores Conjuntos e para o desempenho de atividades que envolvam o planejamento e o emprego estratégico-operacional de forças militares em operações conjuntas ou executadas sob orientação e supervisão do Ministério da Defesa.

Comandante da Marinha Preside Solenidade 5O curso foi estruturado em dois módulos: não presencial e presencial. O módulo não presencial, realizado em ambiente virtual de aprendizagem, com duração de 6 semanas, foi inaugurado este ano com a criação da modalidade de Ensino à Distância na Escola Superior de Guerra, transmitindo conhecimentos aos estagiários ainda nas suas Organizações de origem. Posteriormente, a parte presencial permite aos estagiários uma aplicação prática do conteúdo programático, contemplando assuntos ligados direta ou indiretamente ao conhecimento sobre o planejamento e o emprego de forças em um Comando Conjunto.

(ESG ASCOM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *