Comandante do 9ºDN visita navios da Marinha empregados nos jogos olímpicos

No domingo, 07 de agosto, segundo dia dos jogos de Futebol em Manaus (AM), o Comandante do 9º Distrito Naval, Vice-Almirante Luís Antônio Rodrigues Hecht, acompanhando pelo Chefe do Estado-Maior do Comando, Capitão de Mar e Guerra Ken Williams Schonfelder, visitaram os Navios Patrulha Fluvial (NPaFlu) “Pedro Teixeira” e “Roraima”, fundeados no Rio Negro, onde realizam o Controle Fluvial das estruturas estratégicas dos jogos olímpicos 2016, que acontecem na capital amazonense desde o dia 4 de agosto. O propósito da visita foi acompanhar a atuação dos militares e meios da Marinha empregados para a Garantia da Lei e Ordem durante os jogos em Manaus.

Vice-Almirante Hecht em visita ao NPaFlu “Pedro Teixeira” fundeado no Rio Negro, nas proximidades do Live Site, em Manaus (AM)

Vice-Almirante Hecht em visita ao NPaFlu “Pedro Teixeira” fundeado no Rio Negro, nas proximidades do Live Site, em Manaus (AM)

Na área do Tropical Hotel Manaus, onde as delegações esportivas estão concentradas desde o dia 29 de julho, um NPaFlu, uma Lancha de Ação Rápida (LAR) e uma Lancha da Inspeção Naval (IN) da Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental realizarão abordagens, até o dia 12 de agosto, em todas as embarcações que se aproximam do hotel.

No Live Site, local montado no Complexo Turístico da Praia de Ponta Negra e onde acontecem a transmissão dos jogos e atividades culturais diversas, desde o dia 2 de agosto uma estrutura de segurança formada por um NPaFlu, uma LAR e uma lancha da IN realizam Patrulha Naval (PatNav) e IN com o objetivo do controlar a área fluvial e garantir a segurança dos banhistas.

As ações de Patrulha Naval conjugadas com as de IN, no âmbito do Comando do 9º Distrito Naval, buscam a implementação e a fiscalização do cumprimento das leis e regulamentos nas Águas Jurisdicionais Brasileiras, assim como a segurança do tráfego aquaviário, a salvaguarda da vida humana e a prevenção da poluição hídrica nos rios da Amazônia Ocidental.

As ações da Marinha contam, ainda, com o emprego de 806 militares; dos NPaFlu “Raposo Tavares”, “Amapá” e “Rondônia”; dos Navios de Assistência Hospitalar “Doutor Montenegro”, “Soares de Meirelles” e “Carlos Chagas”; de quatro aeronaves do 3º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral; de embarcações da CFAOC; embarcações de Transporte de Tropa; e Grupamentos de Fuzileiros Navais.

(CCSM/ FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>