Comemoração alusiva ao 375º aniversário da Batalha de Casa Forte

Comemoração alusiva ao 375º aniversário da Batalha de Casa Forte

No dia 18 de agosto de 2020, o Centro de Preparação de Oficiais da Reserva de Recife (CPOR/R), Centro Heróis de Casa Forte, realizou a formatura alusiva ao 375º Aniversário da Batalha de Casa Forte, ocorrida em 17 de agosto de 1645. A Batalha foi uma das mais notáveis vitórias pernambucanas na guerra contra o domínio externo, ocasião em que os invasores estrangeiros começaram a ser expulsos pelos patriotas pernambucanos/brasileiros que formaram a origem do Exército, na união das três raças, o negro, o branco e o índio, ocasião em que o vocábulo Pátria foi utilizado pela primeira vez.

Em cerimônia reservada, foram concedidas Medalhas Heróis de Casa Forte, a autoridades militares, comandantes de organizações militares e autoridades civis, entre elas, o Deputado Federal Augusto Coutinho, o Comandante da 7ª Região Militar, General de Divisão Ivan Ferreira Neiva Filho, e o Comandante da 10ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada Alexandre Oliveira Cantanhede Lago. A medalha é concedida pela Associação dos Oficiais da Reserva de Recife (AORE/Recife) como forma de reconhecimento àqueles que prestaram relevantes serviços à formação do oficial da reserva do exército.

A vitória em Casa Forte contribuiu para que, a partir de 1645, os luso brasileiros passassem a controlar praticamente o interior do nordeste, reduzindo a presença estrangeira em Recife e em outras guarnições litorâneas. A insurreição rumava a passos largos e seguros para os Guararapes e para a Campina do Taborda, chegando à Restauração Pernambucana. O êxito na Batalha de Casa Forte refletiu positivamente no moral da tropa para a vitória nos Montes Guararapes, considerado o Berço da Nacionalidade e embrião do Exército Brasileiro.

(CCOMSEX/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *