Corrida celebra primeiro ano da Amazul

Corrida celebra primeiro ano da Amazul

Cerca de 400 pessoas participaram da 1ª Corrida AMAZUL realizada, no dia 17 de agosto, em Iperó, no interior de São Paulo, em comemoração ao primeiro aniversário da Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A – Amazul. Realizado em parceria com a prefeitura do município, o evento teve provas de seis e doze quilômetros, caminhada e corrida infantil. Entre os participantes, quase 200 eram empregados da empresa e militares da Marinha.

Cerimônia de premiação
Cerimônia de premiação

Primeiro empregado da Amazul a ultrapassar a linha de chegada na corrida de seis quilômetros, alcançando a 9ª posição na classificação geral da prova, o suboficial João Luiz de Oliveira, elogiou a estrutura do evento. “Estou muito feliz e orgulhoso de trabalhar na Amazul. Sem dúvida, a Corrida foi uma excelente ideia para reunir empregados da empresa e militares que prestam serviços ao Centro Tecnológico da Marinha”, disse.

Outro destaque da corrida foi Hans Windsor Calixto Laba, técnico em Segurança do Trabalho no Centro Experimental Aramar (CEA), primeiro empregado da Amazul a finalizar a corrida de doze quilômetros. Acostumado a treinos longos, que chegam a 30 quilômetros, ele achou desafiante o percurso da prova: “Foi muito bom para treinar, porque forçou bem os músculos e a parte respiratória. A corrida estava bem organizada. A Amazul está de parabéns. Espero que tenha mais”.

Os cinco primeiros colocados das categorias masculino e feminino das provas de seis e doze quilômetros ganharam troféus e houve entrega de medalhas aos três primeiros colocados das faixas etárias. Cerca de 100 empregados da Amazul participaram do evento. O clima era de confraternização. “Eventos desse tipo são muito importantes, porque integram os funcionários. É possível conhecer colegas que trabalham em outras unidades da Amazul”, afirma Lara Lopes da Silva, assistente administrativa do CEA.

A 1ª Corrida Amazul também teve o patrocínio do Centro Tecnológico da Marinha e do Comando do 8º Distrito Naval. A Marinha do Brasil foi representada também por um pelotão de fuzileiros navais que integram o Batalhão de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica de Aramar. “Foi puxado, mas bem divertido. É um ótimo incentivo à prática de esportes. Tomara que venham outras”, diz Mayara Milena Martins Siqueira, assistente administrativa do CEA.

(CCSM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *