Distribuição de cestas básicas é essencial no apoio à população

Distribuição de cestas básicas é essencial no apoio à população

As ações solidárias têm sido vitais para o auxílio a muitas famílias carentes nesse período de pandemia. Com essa preocupação, militares da Força Aérea realizaram a entrega de cestas básicas na comunidade da Barreira, localizada em Santa Cruz, Rio de Janeiro. A ação contou com a presença da Comissão de Assistência da Organização Militar da Ala 12, que já realizou outras iniciativas semelhantes para idosos e crianças em outros projetos. Em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, o 1º Centro de Geoinformação entregou à Igreja da Ascensão agasalhos e calçados e 300 máscaras faciais produzidas pelo 3º Regimento de Cavalaria de Guarda e pelo 8º Batalhão Logístico que foram distribuídas a moradores de rua. No Nordeste, militares do 71º Batalhão de Infantaria Motorizado apoiaram a Fundação Nacional do Índio na entrega de 74 toneladas de alimentos nas aldeias indígenas de Pipipã e Kambiwá, Pernambuco.

MD_NOTICIAS_20200713_NOT02_F01.jpeg

Descontaminação
Para ajudar na higienização da cidade de Alegrete, Rio Grande do Sul, o 6º Regimento de Cavalaria Blindado deu auxílio à prefeitura no combate à Covid-19, higienizando locais públicos de grande circulação de pessoas na cidade. Em São Gonçalo, Rio de Janeiro, o 21º Grupo de Artilharia de Campanha realizou desinfecção na Unidade de Pronto-Atendimento de Pacheco, visando diminuir a propagação do novo coronavírus. Em operação semelhante, o 13º Regimento de Cavalaria Mecanizado – Regimento Anhanguera descontaminou as dependências do Centro de Especialidades Médicas de Pirassununga, São Paulo. Em outra frente, uma equipe do 11° Grupo de Artilharia Antiaérea fez limpeza minuciosa utilizando álcool 70% e hipoclorito de sódio nas dependências da 16ª Delegacia de Polícia Civil de Planaltina, Distrito Federal.

 MD_NOTICIAS_20200713_NOT02_F02.jpeg

Ação social
Militares do Campo de Instrução de Juiz de Fora participaram de doação voluntária de sangue na fundação Hemominas e contribuíram para a manutenção do banco de sangue durante a pandemia.

MD_NOTICIAS_20200713_NOT02_F03.jpeg

Operação COVID-19
O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à COVID-19. Nesse contexto, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia que recebeu o nome de Operação COVID-19.

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas poderão ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determinará a melhor forma de atendimento.

Por Tenente Ederson, com informações dos Comandos Conjuntos.
Fotos: divulgação Forças Armadas

(MD ASCOM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *