Dobradinha no pódio tem militar

Dobradinha no pódio tem militar

Brasília, 14/07/2016 – O primeiro pódio com dobradinha brasileira teve continência. O gesto foi do terceiro sargento da Força da Força Aérea Brasileira Arthur Nory Mariano, que conquistou medalha de bronze no solo da ginástica artística. Ao lado do também brasileiro Diego Hypólito, medalha de prata na competição, o ginasta da FAB somou a quinta medalha militar alcançada nos Jogos Rio 2016 e a sexta para o País.

Dobradinha 1

“Estou muito emocionado. Passa um filme na cabeça, de toda história, de tudo que temos que superar, de abrir mão de muita coisa. Tem que focar e sempre acreditar no sonho”, disse o militar.

Depois de participarem pela primeira vez da final por equipes, o sargento Arthur, de 22 anos, e Hypólito, de 30 anos, empolgaram o público presente na Arena Olímpica do Rio com suas apresentações. O veterano em Olimpíadas recebeu a nota 15.533, enquanto Nory obteve 15.433. Os dois ficaram atrás de Whitlock, que foi avaliado com 15.633, mas à frente do favorito da prova, o japonês Kohei Uchimura, que foi o quinto.

Nory trouxe a primeira medalha para Força Aérea Brasileira, que classificou para os Jogos 38 atletas militares. No total, participam do maior evento esportivo do planeta, 145 militares que integram o Time Brasil.

Esses representantes do Ministério da Defesa e que integram o Programa de Atletas de Alto Rendimento já conquistaram cinco medalhas, repetindo o feito de Londres em 2012. A meta é dobrar esse número e alcançar 10 medalhas, contribuindo assim com resultado do país nas Olimpíadas.

Foto: Reprodução TV Globo

(MD ASCOM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *