Em Lima (Peru), oficial do Exército Brasileiro é destaque como instrutor

Em Lima (Peru), oficial do Exército Brasileiro é destaque como instrutor

O Brasil foi destaque, por meio de oficial do Exército Brasileiro que desempenha a função de instrutor convidado em estabelecimento de ensino do Exército do Peru.

O Tenente-Coronel do Exército Brasileiro, Guilherme Marques Almeida, que compõe o corpo docente da Escola de Operações de Informação do Exército do Peru (EOIE), em Lima, distinguiu-se entre os seus pares, segundo a avaliação dos instruendos, obteve a 1ª colocação na avaliação feita pelos discentes do III Curso Básico de Comunicação e Comunicação Social, transcorrido no 1º semestre de 2020. O Oficial ministrou a matéria Operações de Informação. Foram envolvidos, no total, 15 instrutores, sendo 6 civis e 9 militares.

Ao final das disciplinas, os preceptores são submetidos à apreciação dos alunos, sob critérios educacionais como metodologia de ensino, uso de tecnologias, feedback de dúvidas, simplicidade do conteúdo, cumprimento dos conteúdos e comentários abertos dos alunos. Tal prática, visa melhorar o desempenho do corpo docente, proporcionando aperfeiçoamento individual dos educadores.

A escola tem 26 anos de existência, sendo que há 11 anos tem contado com instrutor brasileiro convidado. Além do que, desde 2004, especializou 23 militares brasileiros em Operações Psicológicas. É a missão de cooperação de mais longa data funcionando junto ao Exército Peruano, contribuindo de maneira significativa para a integração militar dessas nações.

(CCOMSEX/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *