EsEFEx recebe competições internacionais de Esgrima em teste para os Jogos Olímpicos

EsEFEx recebe competições internacionais de Esgrima em teste para os Jogos Olímpicos

Rio de Janeiro (RJ) – Entre os dias 22 e 27 de abril, foram realizadas, no Rio de Janeiro, duas importantes competições de Esgrima: o Grand Prix de Espada feminino e de Espada masculino e o Mundial por Equipes de Sabre masculino e de Florete feminino.

ESEFEX 1

Esses eventos foram disputados na Escola de Educação Física do Exército (EsEFEX), na Urca, e na Carioca Arena 3, na Barra da Tijuca, e serviram como preparação para os Jogos Olímpicos Rio 2016. “Nosso foco no teste é o local de competição e as áreas funcionais que envolvem as disputas”, afirma o Maj Arno, gerente de Esgrima dos Jogos Rio 2016.

No Grand Prix, a Sargento Rayssa Costa foi a única atleta brasileira a se classificar entre os melhores esgrimistas presentes. Essa competição é importante, pois a pontuação obtida interfere nos cruzamentos das chaves durante os Jogos, evitando confrontos entre favoritos nas fases iniciais da competição.

A Federação Internacional de Esgrima (FIE) promove um revezamento entre as armas para a participação por equipes nos Jogos Olímpicos, por isso, em 2016, o Florete feminino e o Sabre masculino estarão de fora das disputas.

ESEFEX 2

As preliminares das competições de Esgrima ocorreram nas instalações da EsEFEx, com estrutura que atende às exigências da FIE, e as finais foram realizadas na Carioca Arena 3, mesmo local em que ocorrerão os Jogos Olímpicos deste ano. A esgrima brasileira já tem a presença garantida, neste ano, do Sargento Renzo Agresta. O Sargento Fernando Scavasin ainda disputa uma vaga de reserva no Torneio de Curitiba, em maio.

(CCOMSEX/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *