Warning: mysqli_set_charset(): Error executing query in /var/www/html/folhamilitaronline.com.br/web/wp-includes/wp-db.php on line 792

Exrcito comemora 366 anos com entrega da Medalha da Ordem do Mrito Militar

O Exrcito Brasileiro comemorou no dia 14 de abril seus 366 anos de fundao com a entrega da Medalha da Ordem do Mrito Militar a entidades e civis e militares em cerimnia no Quartel General (QG) da Fora Terrestre, em Braslia. O ministro da Defesa, Celso Amorim, ao trmino da solenidade, destacou a participao do Exrcito em diferentes frentes, desde as misses de paz sob a liderana da ONU at sua participao como fora de pacificao de comunidades como o Complexo da Mar, no Rio de Janeiro.

exercito_inter3

Relembrar a data da Batalha dos Guararapes muito importante. O Exrcito evidentemente a fora de maior capilaridade. Ele tem que proteger nossas fronteiras, participa de operaes de paz e sempre pronto para atuar quando chamado para novas tarefas, como a Operao So Francisco, no complexo da Mar, ou em apoio s comunidades vtimas de desastres naturais, destacou o ministro.

Dia do Exrcito

O Dia do Exrcito comemorado em 19 de abril. Esse ano, em funo do feriado da Paixo de Cristo e da Pscoa, a Fora Terrestre antecipou as festividades. A cerimnia teve incio com a passagem em revista das tropas pelo ministro Amorim, acompanhado pelo comandante do Exrcito, general Enzo Martins Peri.

Em seguida, j no palanque principal, Amorim e o general Enzo ficaram ladeados pelos comandantes da Marinha, almirante Julio Soares de Moura Neto; da Aeronutica, brigadeiro Juniti Saito; o ministro do Gabinete da Segurana Institucional, general Jos Elito de Siqueira; o ministro da Secretaria de Assuntos Extraordinrios (SAE), Marcelo Neri, o chefe do Estado-Maior Conjunto das foras Armadas (EMCFA), general Jos Carlos De Nardi.

Na Ordem do Dia, lida pelo general Enzo, a histria sobre a criao do Exrcito: Nesse 19 de Abril o Exrcito celebra, trabalhando, seu aniversrio de criao, cujo nascimento se deu no longnquo 1648 nos Montes Guararapes. Havia, naquela poca, um territrio ameaado pelo invasor; havia um sentimento de corresponsabilidade com a jovem Nao; e havia a grande vontade de um povo de se autodeterminar.

Enfrentamos e vencemos, enfatizou o general. Fomos gestados, portanto, em um ambiente de lutas e de sacrifcios de um povo valente, traduzido pelo sentimento de patriotismo unindo raas e credos que se incorporou definitivamente ao carter da nossa gente. Assim, j se vo 366 anos de dedicao Ptria, movidos pelo sentimento de servir, disse o comandante do Exrcito.

Depois houve a entrega das medalhas. As entidades homenageadas foram o Comando Geral de Apoio, da Aeronutica; o Comando da Fora de Submarino, da Marinha; o 50 Batalho de Infantaria de Selva (BIS) e o 3 Batalho de Comunicao, do Exrcito.

(ASCOM/FM)

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *