Exposição comemora 70 anos do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)

Exposição comemora 70 anos do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)

O Parque Vicentina Aranha, em São José dos Campos (SP), exibe, até março de 2022, a Exposição “Asas para que te quero”, em comemoração aos 70 anos do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). A mostra reúne imagens e objetos da escola ao longo de sua história, de 1950 a 2020. Idealizada pela Associação dos Engenheiros do ITA (AEITA) e pelo próprio Instituto, a exposição foi inaugurada no mês de julho, com o lançamento do livro comemorativo “Asas para que te quero”.

É a primeira vez que o Instituto traz ao público parte de seu acervo histórico, fora dos muros da Instituição. Instalada no Pavilhão São José, a mostra tem como espinha dorsal uma linha do tempo, que parte dos primórdios nos anos 50 aos tempos atuais, em momento de expansão. Uma vitrine especial reunirá objetos pessoais do Marechal Casimiro Montenegro Filho, idealizador do ITA.

Para o reitor do ITA, Anderson Ribeiro Correia, o projeto ITA 70 Anos relembra os acontecimentos do passado, fazendo uma associação com os acontecimentos mais recentes. “Indica que a escola vem honrando e dando continuidade ao sonho do Marechal Casimiro Montenegro Filho, formando técnicos competentes e cidadãos conscientes”, destaca.

A exposição já contou com a visita de um dos personagens mais importantes da história da indústria aeronáutica brasileira e figura de destaque na história do ITA: o ex-Ministro da Infraestrutura e das Comunicações do Brasil, fundador da Embraer e Doutor Honoris Causa pelo Instituto, Ozires Silva. O convidado esteve presente, juntamente com o reitor do ITA, autografando o livro comemorativo dos 70 anos. A colaboração do Tenente-Coronel Ozires Silva, ao longo das sete décadas de desenvolvimento do Instituto, pode ser conferida no acervo presente na exibição.

A exposição

O projeto foi realizado pelo Ministério do Turismo, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, do ITA e da AEITA, com o patrocínio da Embraer e do Poliedro Educação e apoio das empresas Latécoère, Neogrid e Visiona Espacial.

A ideia da exposição e do livro surgiu a partir da catalogação, pela AEITA, de objetos, projetos de alunos, documentos e fotografias de época – alguns itens nunca exibidos. Ao todo, foram organizadas cerca de quatro mil fotos, duas mil plantas de projetos de alunos e professores, além de 20 mil documentos, entre correspondências, relatórios e informativos para a comunidade iteana. Também foram catalogados objetos, como placas, medalhas e material escolar, como réguas e jogos de testes psicológicos, além de livros e outras publicações.

Uma visita virtual se encontra disponível pelo youtube e pode ser conferida clicando aqui.

Fotos: Sargento Roberto/DCS-ITA

(CECOMSAER/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *