Força Aérea Brasileira tem novo Comandante

Força Aérea Brasileira tem novo Comandante

Na presença do Presidente da República, Jair Bolsonaro, e do Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto, o Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior assumiu o cargo de Comandante da Força Aérea Brasileira (FAB). A solenidade de passagem de comando aconteceu nessa segunda-feira (12), na Ala 1, em Brasília (DF), e também marcou a despedida do Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez – que esteve à frente da instituição desde janeiro de 2019.

A cerimônia, que foi presidida pelo Presidente da República, contou com a presença do Vice-Presidente da República, Hamilton Mourão; do Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto; do Comandante da Marinha do Brasil, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos; do Comandante do Exército Brasileiro, General Edson Leal Pujol; dos Membros do Alto-Comando da Marinha, Exército e Aeronáutica; além de outros Oficiais-Generais da Marinha, do Exército, da Força Aérea Brasileira e convidados.

Após 46 anos de dedicação à FAB o Tenente-Brigadeiro Bermudez, passou às mãos do Tenente-Brigadeiro Baptista Junior o Bastão de Comando e em suas palavras de despedida, agradeceu a todos que cooperaram no período em que esteve à frente da FAB. “Aos meus subordinados, homens e mulheres, militares e civis do Comando da Aeronáutica, como falei em minha recente mensagem ao efetivo, deixo a certeza de que estamos na proa certa. O suor do nosso trabalho constitui uma inestimável herança que jamais será esquecida pelo povo brasileiro. Mantenham-se firmes e coesos cumprindo a missão de garantir a soberania do nosso espaço aéreo. Muito obrigado pela oportunidade de comanda-los”, disse o Tenente-Brigadeiro Bermudez.

O Ministro da Defesa, destacou em seu discurso, algumas ações da Força Aérea realizadas durante o Comando do Tenente-Brigadeiro Bermudez. “A FAB atuou decisivamente em todos os momentos críticos em que o governo federal foi exigido. O Combate aos ilícitos fronteirícios e ambientais, em especial no âmbito da Operação Verde Brasil, o apoio às eleições em todo país, a interiorização de imigrantes venezuelanos na Operação Acolhida, o transporte de órgãos, o apoio da saúde às populações ribeirinhas e aos povos indígenas em áreas remotas. Destaco a atuação das asas que protegem o país na Operação COVID-19, coordenada pelo Ministério da Defesa realizando esforço aéreo com mais de 5.000 horas de voo”, disse.

Homenagem
Na mesma solenidade, foram prestadas homenagens ao Tenente-Brigadeiro Bermudez. Como símbolo do ato e gesto de reconhecimento e respeito, o Cadete Aviador Yuri Nunes Bitar, entregou ao Oficial-General, para custódia definitiva, o Espadim de Cadete da Aeronáutica, marco inicial de sua carreira. O Ex-Comandante foi agraciado com a insígnia de Tenente-Brigadeiro do Ar, oferecida pelo Capitão Aviador José Antônio de Paula Roque, Oficial que o acompanhou como assistente nos últimos anos da carreira. O Tenente-Brigadeiro Bermudez recebeu, ainda, do novo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro Baptista Junior, e de sua esposa, senhora Cristiane Baptista, uma recordação da Força Aérea Brasileira, como símbolo do dever cumprido.

Experiências que passam de pai para filho
Natural de Fortaleza (CE), o Tenente-Brigadeiro Baptista Junior ingressou na Força Aérea Brasileira em 03 de março de 1975 e foi promovido ao atual posto em 31 de março 2018. O Oficial-General estava à frente do Comandante do Comando-Geral de Apoio (COMGAP) e comentou sobre as expectativas do seu Comando. “Vamos dar continuidade ao que vinha sendo feito. Alguns ajustes das minhas prioridades, logicamente, podem ser diferentes, mas a linha básica é a proa que estamos andando nesses últimos 80 anos”, disse.

O novo Comandante é filho do Ex-Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista, que esteve à frente da Instituição no período de 1999 a 2003. O Oficial-General da reserva não escondeu a felicidade em ver que o filho seguiu seus passos. “É o momento mais significativo da minha vida. A gente vive pela família e quando eu vejo um descendente direto meu, depois de ter passado por tantas posições que eu passei, vê-lo agora assumindo a mais relevante posição na carreira, meu peito se enche de orgulho”, declarou.

Novo Comandante
Durante a carreira de 46 anos dedicados à vida militar, o Tenente-Brigadeiro do Ar Baptista Junior assumiu o comando, a chefia e a direção de diferentes organizações da FAB, entre elas, foi o primeiro Comandante do 2º/6º Grupo de Aviação – Esquadrão Guardião; Comandante da Base Aérea de Fortaleza; Adjunto do Adido de Defesa e Aeronáutica nos Estados Unidos; Subchefe de Apoio do Comando-Geral de Apoio; Presidente da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate e Chefe do Subdepartamento de Desenvolvimento e Programas; Comandante do Comando de Defesa Aeroespacial Brasileiro; Diretor da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico; Vice-Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica; Chefe de Operações Conjuntas do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas do Ministério da Defesa; e Comandante do Comando-Geral de Apoio.

O Oficial-General é oriundo das aviações de caça e reconhecimento e possui 4 mil horas de voo, sendo 2.200 horas em aeronaves de caça.

Assista aqui ao vídeo sobre a cerimônia realizada em Brasília.

Fotos: Sargentos Johnson Barros e Bianca Viol; e Soldado Wilhan Campos/ CECOMSAER

Vídeo: Suboficial Barros e Soldados A.Soares e Chagas / CECOMSAER

(CECOMSAER/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *