Forças Armadas ajudam comunidade indígena de Pernambuco com cestas básicas

Forças Armadas ajudam comunidade indígena de Pernambuco com cestas básicas

Na manhã da última terça-feira (14), o 71º Batalhão de Infantaria Motorizado realizou apoio logístico em ação social na comunidade indígena de Buíque, em Pernambuco. Os mantimentos, coletados pela Companhia Nacional de Abastecimento, foram transportados para a aldeia indígena de Kapinawá com o apoio de 62 militares, em 10 viaturas, totalizando 1.000 cestas básicas entregues.

“Em nome do meu povo e da minha aldeia, agradeço muito o apoio das Forças Armadas por nos ajudar com as cestas básicas”, agradeceu dona Mocinha, liderança dos Kapinawá.

MD_NOTICIAS_20200715_NOT02_F01.jpeg

Doação de sangue
“Ajudar está no nosso sangue” é o tema da campanha que estimula e apoia a doação voluntária de sangue e de medula óssea por parte de militares do Exército Brasileiro, a fim de abastecer os estoques dos hemocentros do Brasil. O resultado, até o momento, foi o registro de mais de 21 mil doações. A ação acontece seguindo os cuidados que o atual momento exige: uso de máscaras pelos doadores e agendamento prévio.

MD_NOTICIAS_20200715_NOT02_F02.jpeg

Desinfecção
O Comando do 7° Distrito Naval e o Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais (GptFNB) realizaram a higienização dos postos da Polícia Militar do Distrito Federal, no Setor Comercial Sul e no Parque da Cidade. A atividade, que busca contribuir com os órgãos de Saúde e Segurança Pública na mitigação dos impactos da Covid-19, contou com a presença de 45 militares, que fazem parte da Equipe de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica (NBQR). Nesse mesmo sentido, o Pelotão de Descontaminação da Base de Administração e Apoio do Comando Militar do Oeste realizou a higienização das áreas externas do Hospital Regional de Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Em outra frente contra a pandemia, a Equipe de NBQR do 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas atuou na limpeza de órgãos públicos com grande concentração de pessoas em Belém, Pará.

MD_NOTICIAS_20200715_NOT02_F03.jpeg

Operação Covid-19
O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate ao novo coronavírus. Nesse contexto, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia que recebeu o nome de Operação COVID-19.

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas podem ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determina a melhor forma de atendimento.

Por Tenente Ederson, com informações dos Comandos Conjuntos.
Fotos: divulgação Forças Armadas

(MD ASCOM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *