Forças Armadas auxiliam na Campanha de Vacinação para desafogar sistema de saúde

Forças Armadas auxiliam na Campanha de Vacinação para desafogar sistema de saúde

 As Forças Armadas estão apoiando a última etapa da campanha de vacinação contra a gripe influenza (H1N1). O Comando Conjunto Leste, por meio da Marinha do Brasil (MB), iniciou nesta segunda-feira (11) o apoio no posto do Detran da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ). Militares do 3° Batalhão de Infantaria de Fuzileiros Navais, técnicos em enfermagem, realizam a vacinação no público geral em um sistema de drive-thru.

A ação, que ocorre até o fim desta semana, atende a uma solicitação da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro e visa desafogar o sistema de saúde, garantindo a imunização do maior número de pessoas possível.

esta imagem não possui descrição

Por todo o Brasil, as Forças Armadas continuam arrecadando doações. O Navio de Assistência Hospitalar Tenente Maximiano viaja com cestas básicas e profissionais de saúde para atender as comunidades ribeirinhas do Baixo Pantanal, região pantaneira do município de Corumbá (MS). Além do atendimento médico, as famílias são assistidas com aproximadamente 230 kits de alimentação e medicamentos.

O 9º Regimento de Cavalaria Blindado distribuiu 195 kits de alimentação para famílias de alunos da Escola Estadual Ataliba Rodrigues das Chagas, em São Gabriel (RS). Já o 12º Regimento de Cavalaria Mecanizado transportou, de Pelotas a Jaguarão (RS), nove toneladas de alimentos que também serão distribuídos a alunos da rede pública de ensino. As ações são fruto de uma parceria entre o Comando Conjunto Sul e a Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul.

O Arsenal de Guerra do Rio, em apoio ao Comando Conjunto Leste, entregou um lote de equipamentos de proteção individual (EPI) com 525 unidades de máscaras descartáveis e 100 unidades de protetores faciais Face Shield a integrantes do Hospital Militar de Resende (RJ).

esta imagem não possui descrição

Ações de desinfecção

As ações de prevenção e combate à propagação do novo Coronavírus, por meio da higienização dos ambientes, não param. Em Diadema (SP), o 8º Batalhão de Polícia do Exército desinfectou as áreas internas e externas de prédios, calçadas, estacionamentos, espaços comuns de recepções e corredores internos, no bairro de Canhema, em Vila Nova Conquista e nas Unidades Básicas de Saúde.

No município de Castanhal (PA), a Equipe de Resposta Nuclear, Biológica, Química e Radiológica do 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas fez a descontaminação preventiva das instalações do Comando de Policiamento Regional III e do 5º Batalhão da Polícia Militar. Foram descontaminados alojamentos, viaturas, refeitórios, banheiros, salas internas e áreas externas. Já o 1° Grupo de Artilharia de Campanha de Selva, Regimento Floriano, realizou a higienização de pontos de ônibus, bancos públicos e passarelas de pedestres no bairro Cidade Nova, em Marabá (PA).

No Centro-Oeste, a 3ª Bateria de Artilharia Antiaérea conduziu a descontaminação de estruturas e objetos presentes na Praça da Alvorada, Três Lagoas (MS), ponto de grande circulação populacional, e na Unidade de Pronto Atendimento da cidade. Nos municípios de Nioaque, Dourados e Amambai (MS) também houve descontaminação preventiva, feita pelo Comando Conjunto Oeste.

esta imagem não possui descrição

Operação COVID-19

O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate à COVID-19. Nesse contexto, foram ativados dez Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando Aeroespacial (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do governo federal no enfrentamento à pandemia que recebeu o nome de Operação COVID-19.

esta imagem não possui descrição

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, tais demandas poderão ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determinará a melhor forma de atendimento.

Para acessar fotos da Operação COVID-19, visite o Flickr da Operação.

Por Tenente Tássia, com informações dos Comandos Conjuntos

Fotos: Divulgação Forças Armadas

(MD ASCOM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *