Forças Armadas empregaram mais de 18 mil militares na Operação Covid-19

Forças Armadas empregaram mais de 18 mil militares na Operação Covid-19

Até o momento, mais de 18 mil militares das Forças Armadas (Marinha, Exército e Aeronáutica) foram empregados na Operação Covid-19. No enfrentamento à pandemia, os 10 Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, e o Comando Aeroespacial (COMAE) utilizam cerca de 700 viaturas e 40 embarcações. As ações envolvem descontaminação de trens e metrôs, reconhecimento para emprego de Defesa Biológica, Nuclear, Química e Radiológica (BQRN), apoio a equipes de saúde e laboratórios militares, entre outros.

Na Região Sul, militares auxiliam a Secretaria de Lages, em Santa Catarina, no atendimento a pessoas infectadas com a Covid-19, com o empréstimo de gerador de energia para emergências, instalado junto a um hospital temporário da prefeitura.

No extremo oeste catarinense, militares fazem campanha de conscientização sobre medidas de proteção ao contágio, com a entrega de panfletos para a população e na aduana de cargas de Dionísio Cerqueira, município que faz fronteira com a Argentina.

Na Região Sudeste, em Campinas, São Paulo, os militares iniciaram campanha de doação de sangue para aumentar os estoques do Hemocentro da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Em Guarulhos, é realizado apoio ao Centro de Combate, local onde é feita  a triagem de pessoas com suspeita de infecção pelo novo coronavírus. Lá, os militares contribuem por meio da cooperação com o controle do trânsito local, bem como informando a população sobre as formas de prevenir o contágio.

esta imagem não possui descrição

No Nordeste, será realizada descontaminação da Rodoviária de Natal, no Rio Grande do Norte, nesta terça-feira (31), como prevenção e enfrentamento ao coronavírus.

Na mesma região, na capital sergipana, equipes do Exército auxiliaram a Prefeitura de Aracaju com a distribuição de alimentos em escolas municipais. Os militares cooperaram com a organização e com a segurança dos locais de entrega de kits de merenda escolar. A intenção é que os alunos recebam o alimento durante o período em que as aulas estão suspensas.

Por Tenente Edwaldo Costa, Tenente Raquel Alves e Mariana Alvarenga

Foto: Divulgação

(MD ASCOM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *