I Simpósio de Educação Física da MB reúne militares de 5 estados, acadêmicos e Comitê Olímpico do Brasil (COB)

O Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN) organizou, no período de 11 a 14 de setembro, o I Simpósio de Educação Física da Marinha do Brasil (MB). O evento teve o propósito de fomentar a integração com o meio acadêmico, proporcionar o debate e a disseminação do conhecimento científico das Ciências da Atividade Física e do Treinamento Físico Militar (TFM).

Abertura do I Simpósio de Educação Física da MB

Cerca de 130 pessoas participaram do Simpósio, entre civis e militares. Um total de 65 Organizações Militares (OM) da MB, situadas nos estados do Rio de Janeiro, Amazonas, Mato Grosso do Sul, São Paulo e do Distrito Federal, enviaram representantes que ampliaram seus conhecimentos na área de Educação Física.

Representando o Comitê Olímpico do Brasil (COB), o Professor Mestre Bernardo Villano apresentou o Projeto-Piloto de Identificação e Detecção de Talentos daquele Comitê.

Com a participação de palestrantes Mestres e Doutores de Instituições de Ensino Superior como UFRJ, UFRRJ, UERJ, UNIRIO, Fiocruz e UFF, o evento contou com elevado nível de conhecimentos difundidos e dos debates realizados.

Para a abertura do Simpósio, no dia 11, os acadêmicos foram representados pelo Professor Doutor Fabrízio Di Masi, docente da UFRRJ e representante da UNISAUDE; e pelo Professor Mestre Cláudio Melibeu, Doutorando da FIOCRUZ e Pesquisador no Laboratório de Treinamento de Força da Escola de Educação Física e Desporto da UFRJ. Os acadêmicos trouxeram o que há de mais atual para a higidez física, o preparo físico, a promoção da saúde e da qualidade de vida.

I Simpósio de Educação Física da MB reúne militares e acadêmicos

Essas informações contribuirão para o constante aprimoramento do Treinamento Físico da MB, que o CEFAN tem buscado por meio de atividades como o Programa de Orientação e Apoio ao TFM (PROA-TFM) e na conscientização da importância de se ter um estilo de vida saudável em qualquer ambiente que se esteja servindo: Navios, Submarinos, Esquadrões, Batalhões de Fuzileiros Navais ou qualquer outra OM de terra.

A partir da metodologia do Treinamento Funcional, os militares do PROA-TFM têm se empenhado em assessorar e capacitar militares por toda a Marinha, a exemplo das Clínicas de Treinamento.

Além disso, foram apresentados os trabalhos realizados no Laboratório de Ciências do Exercício, principalmente no que se refere a prevenção da Rabdomiólise, a Preparação Física na fase “zero” para àqueles que ingressarão nos Cursos de Mergulhadores de Combate e Comandos Anfíbios, potenciais integrantes das tropas de elite da Marinha do Brasil.

(CCSM/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>