Jaques Wagner participa de cerimônia de lançamento do pacote Anticorrupção no Palácio do Planalto

Jaques Wagner participa de cerimônia de lançamento do pacote Anticorrupção no Palácio do Planalto

Brasília, 18/3/15 – O ministro da Defesa, Jaques Wagner, compareceu no dia 18 de março à cerimônia de apresentação de pacote de medidas de combate à corrupção do Governo Federal. Sob o comando da presidenta Dilma Rousseff, o evento ocorrido no Palácio do Planalto atraiu autoridades da administração central, parlamentares, governadores, servidores públicos e representantes da sociedade.

Wagner, de terno claro na plateia, assiste ao discurso da presidenta Rousseff: pacote anticorrupção
Wagner, de terno claro na plateia, assiste ao discurso da presidenta Rousseff: pacote anticorrupção

“As medidas significam um passo importante, mas para concretizá-las precisamos de apoio de todos e, principalmente, um pacto com o Congresso, Judiciário, Ministério Público, e também com a sociedade para envolver a todos na tarefa do combate à corrupção e à impunidade, além de um passo decisivo para a reforma política com a construção de mecanismos que permitam luta sem trégua por um país mais justo e evoluído”, disse o ministro Jaques Wagner.

Em seu pronunciamento, a presidenta Dilma Rousseff resumiu o pacote anticorrupção em duas palavras: “prevenir e combater”. “Trata-se de uma estratégia que nós consideramos essencial para que se aprofunde a própria democracia no Brasil.” Segundo a presidenta, “as medidas são todas iniciativas concretas, elas não pretendem esgotar a matéria, mas elas evidenciam que estamos no caminho correto”.

E prosseguiu: “Somos um governo que não transige com a corrupção e temos o compromisso e a obrigação de enfrentar a impunidade que alimenta a corrupção. Essas medidas, elas fortalecem a luta contra a impunidade. E esta impunidade é, talvez, como eu disse, o maior fator que garante a reprodução da corrupção.”

Pacote anticorrupção

Entre as principais iniciativas anunciadas estão a criação do crime de “caixa 2”, do enriquecimento ilícito, e a elaboração de projeto de lei que exige ficha limpa para todos os servidores públicos do Poder Executivo, Judiciário e Legislativo.

As medidas foram elaboradas por cinco ministérios: Ministério da Justiça, Casa Civil, Controladoria-Geral da União, Advocacia-Geral da União e Planejamento, Orçamento e Gestão. É um conjunto de propostas inédito, já que vai permitir a atuação contra diferentes frentes da corrupção. As propostas estão sendo encaminhadas ao Congresso Nacional.

Clique aqui para conferir o detalhamento das principais medidas do pacote anticorrupção apresentado pelo Governo Federal.

Foto: Jorge Cardoso

(MD ASCOM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *