Jungmann recebe ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, para tratar sobre a criação de unidades de conservação

Jungmann recebe ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, para tratar sobre a criação de unidades de conservação

Brasília (DF) – O Ministro da Defesa, Raul Jungmann, esteve reunido, na tarde de terça-feira (23), com o ministro do Meio Ambiente (MMA), José Sarney Filho, para tratar sobre a possibilidade de criação de duas unidades de conservação envolvendo a Ilhas de Trindade e Martim Vaz, no Espírito Santo, e o arquipélago de São Pedro e São Paulo, que pertence ao estado de Pernambuco.

Além de representantes do MMA e do MD, a reunião também contou com a participação do representante da Marinha do Brasil e subchefe de organização do Estado-Maior da Armada, Gilberto Santos Keer, que destacou que a criação das unidades de conservação deverá ser feita de forma que a Marinha possa continuar exercendo suas atividades de defesa no local.

Uma nova reunião deverá ocorrer ainda nesta semana com técnicos da Marinha, do MMA e do Ministério da Defesa para avaliar a criação das unidades de conservação. O objetivo é buscar soluções para que as unidades não impactem na atuação da Força Naval que, entre outras ações, desenvolve atividades como: patrulha naval e fiscalização.

(MD ASCOM/FM)

Share

2 thoughts on “Jungmann recebe ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, para tratar sobre a criação de unidades de conservação

  1. PARABÉNS ao Ministro e aos comandantes militares pela participação construtiva nesse processo de criação de novas Áreas Marinhas Protegidas que salvaguardem a nossa biodiversidade, ajudando a exercer nossa SOBERANIA AMBIENTAL MARINHA! 100% de apoio a que sejam criadas logo, com participação direta deste Ministério e da nossa Força Naval!

  2. PARABÉNS ao Ministro Jungmann e aos Comandantes Militares por estarem participando da criação dessas novas Unidades de Conservação, ajudando a exercer nossa SOBERANIA AMBIENTAL MARINHA! Visão moderna e positiva permeando as ações de nossas FFAA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *