Mais de 600 militares atingem o primeiro posto do oficialato

Mais de 600 militares atingem o primeiro posto do oficialato

Quadro de Oficiais Convocados reúne profissionais de dezenas de especialidades

“É a coroação de um esforço não só pessoal, mas de todo um conjunto, seja ele familiar ou dos irmãos de armas”. É assim que Michelle Alves da Costa define a emoção que sentiu na quinta-feira (30/04). Ela está entre os 643 novos oficiais da FAB, promovidos após seis meses no posto de Aspirante a Oficial.

MAIS DE 600 3Eles fazem parte do Quadro de Oficiais Convocados (QOCON), selecionados por meio de análise curricular e enviados para atuarem em unidades de todo o país. Formada em direito, a agora Segundo-Tenente Michelle atua na Base Aérea de Anápolis (BAAN), onde desenvolve funções de natureza militar e também da sua especialidade. As solenidades ocorreram em todas as regiões do País, sendo que somente na Base Aérea de Brasília (BABR) foram 94 promovidos das diversas unidades sediadas na Capital Federal.

MAIS DE 600 2

O QOCON reúne profissionais de dezenas de áreas, como administração, medicina, odontologia, direito, estatística, arquivologia, contabilidade, enfermagem, fisioterapia, pedagogia, análise de sistemas, serviços jurídicos, economia e relações públicas.

MAIS DE 600 1

A oportunidade de trabalhar na Força Aérea Brasileira (FAB) atrai jovens profissionais de todo o país. “As trocas de experiências na vida militar nos ajudam profissional e pessoalmente. Aqui nos desenvolvemos na parte de gestão, liderança e trabalho em equipe”, disse a Segundo-Tenente Mara Milvia Pontes Melo Resende, profissional de enfermagem do efetivo da Base Aérea de Fortaleza (BAFZ), também promovida quinta-feira.

MAIS DE 600 4

No Rio de Janeiro, o Segundo-Tenente André Luis Cardoso Tropiano, formado em Relações Públicas, se diz satisfeito. “É motivo de grande honra e orgulho fazer esse compromisso numa organização como a FAB, que reforça a missão de poder continuar servindo e contribuindo para engrandecer ainda mais o País”, declarou.

(CECOMSAER/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *