Marinha comemora os 40 anos de ingresso da mulher nas fileiras da Força

Em comemoração ao 40º aniversário do ingresso da mulher nas fileiras da Marinha do Brasil (MB), foi realizada, no dia 7 de julho, a cerimônia alusiva à data, no Comando da Marinha, em Brasília-DF. O evento foi transmitido ao vivo pela página oficial da MB no YouTube.

A data remete à criação do Corpo Auxiliar Feminino da Reserva, ocorrido em 7 de julho de 1980, por iniciativa do então Ministro da Marinha, Almirante de Esquadra Maximiano Eduardo da Silva Fonseca. Pioneira, a MB foi a primeira entre as Forças Armadas brasileiras a admitir mulheres em seu efetivo, que compõe mais de oito mil integrantes. Desde então, a data histórica entrou para o calendário marinheiro, sendo celebrada nacionalmente.

Durante a cerimônia, o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Ilques Barbosa Junior, ressaltou a trajetória das oficiais e praças na MB. ”As mulheres conquistaram seu espaço e, em 1985, pela primeira vez, uma mulher ingressava na Base Área Naval de São Pedro da Aldeia-RJ para ser precursora na realização de uma missão em aeronave militar. Cinco anos depois, em 1990, uma oficial embarcava no Submarino ‘Tupi’ para participar da avaliação operacional dos sistemas de bordo. Ainda nos anos 90, em 1997, após uma reestruturação de Corpos e Quadros, as mulheres ampliaram sua participação na Marinha e começaram a figurar nos processos seletivos para cargos de direção e comissões diversas, inclusive as permanentes no exterior. No alvorecer do século XXI, em 2001, a primeira mulher ingressou para o Curso de Formação de Sargentos Músicos do Corpo de Fuzileiros Navais. Durante esta última década, novas grandes conquistas foram alcançadas: em 2012, a Marinha promoveu a primeira mulher ao posto de Oficial-General, um marco significativo nessa bonita história; em 2014, as mulheres chegavam à Escola Naval para integrar o Corpo de Intendentes da Marinha e, poucos anos depois, em 2018, também passaram a ter opção de escolha pelo Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais, completando, assim, o processo de inclusão das mulheres, em todos os corpos e quadros da Marinha”.

Participaram do evento o Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros; o Secretário-Geral da Marinha, Almirante de Esquadra Marcos Silva Rodrigues; e o Chefe do Gabinete do Comandante da Marinha, Vice-Almirante Eduardo Machado Vazquez.

Representando a presença feminina na cerimônia, participaram a Capitão de Mar e Guerra (T) Ana Cláudia de Paula, militar da Marinha mais antiga servindo em Brasília; a Capitão de Mar e Guerra (RM1-S) Wanda Regina Da Silva, representante da 1ª Turma do Quadro Auxiliar Feminino de Oficiais; a Suboficial Leila Reis Cardoso, Suboficial-Mor do Estado-Maior Da Armada; e a Cabo Danielle Vicente Eduardo, militar mais moderna do Corpo Auxiliar de Praças servindo em Brasília.

(CCSM/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>