Marinha do Brasil participa das comemorações da independência da Bahia

Marinha do Brasil participa das comemorações da independência da Bahia

No dia 2 de julho, no Forte de São Marcelo, antigo Forte do Mar, foram hasteadas as bandeiras do Brasil, da Bahia e da cidade de Salvador, em cerimônia comemorativa à independência do Brasil na Bahia. O evento retrata o simbolismo da data, ao repetir o gesto do segundo-tenente João das Botas, o “Marinheiro da Independência”, quando comemorou a vitória dos brasileiros sobre as tropas portuguesas há 191 anos.

A Independência da Bahia foi um movimento que teve início em 1821 e desfecho em 2 de julho de 1823. Na data, os baianos homenageiam os brasileiros que venceram as forças portuguesas, expulsando-as das águas da Baía de Todos os Santos e consolidando a nossa independência, com destaque para o Segundo-Tenente da Armada Nacional e Imperial, João Francisco de Oliveira, conhecido como “João das Botas”, que combateu os inimigos à frente de uma esquadra composta de canoas e saveiros adaptados para a guerra, que ficou conhecida como “Flotilha de Itaparica”.

Cerimônia comemorativa à independência do Brasil na Bahia
Cerimônia comemorativa à independência do Brasil na Bahia

A cerimônia, realizada pelo Comando do 2º Distrito Naval em conjunto com o Governo do Estado da Bahia, foi presidida pelo Governador Jaques Wagner, e contou com a presença do Prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto, bem como autoridades civis e militares. O Comandante do 2º Distrito Naval, Vice-Almirante Luiz Henrique Caroli, ressaltando a importância da data para a Marinha e para os baianos, afirmou que “as comemorações do 2 de julho reforçam os tradicionais laços que unem a Marinha do Brasil à Bahia, forjados nas lutas da independência no Estado, em 1823”.

(CCSM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *