Marinha do Brasil presta homenagem a Paixão Côrtes durante a “41ª Expointer”

A Marinha do Brasil (MB), por intermédio do Comando do 5º Distrito Naval (Com5ºDN), reuniu centenas de pessoas, no dia 2 de setembro, durante as apresentações da Banda de Música do Grupamento dos Fuzileiros Navais do Rio Grande, dentro da programação da “41ª Expointer”. Na oportunidade, os músicos prestaram uma homenagem à cultura gaúcha, em especial ao folclorista João Carlos Dávila Paixão Côrtes, um dos símbolos do tradicionalismo no Rio Grande do Sul, que faleceu no dia 27 de agosto, aos 91 anos, em Porto Alegre-RS.

As apresentações aconteceram em dois momentos. A primeira às 10h, e a segunda foi realizada às 15h, na Praça das Bandeiras do Parque Assis Brasil, em Esteio-RS. Regida pelo maestro Suboficial Jonas Olímpio, a banda escolheu um repertório nativista e bem conhecido pelos gaúchos. Entre as canções interpretadas, “Querência Amada”, de Teixeirinha; o chamamé “Mercedita”, de Ramón Sixto Ríos; “Canto Alegretense”, composta pelos renomados Nico e Bagre Fagundes e “Céu, Sol, Sul”, de Jader Moreci Teixeira.

Ao final, o Com5ºDN, ao homenagear Paixão Côrtes, como era popularmente conhecido, enalteceu o legado do pesquisador, compositor e folclorista que atuou para preservar as tradições gaúchas e lembrou a expressão “Tradição não é voltar ao passado, mas cultuar o passado”, cunhada por ele. Em seguida, os músicos interpretaram a música “Pezinho”, uma das mais conhecidas composições do folclorista.

(CCSM/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>