Marinha participa do exercício Robotic Experimentation and Prototyping augmented by Maritime Unmanned Systems

Marinha participa do exercício Robotic Experimentation and Prototyping augmented by Maritime Unmanned Systems

O Diretor do Centro de Guerra Acústica e Eletrônica da Marinha (CGAEM), Capitão de Mar e Guerra Marcelo Chagas de Lima, e o Encarregado do Grupo de Sistemas Digitais, Capitão de Fragata (EN) Ali Kamel Issmael Junior, participam, no período de 8 a 24 de setembro, na Península de Troia, em Portugal, como observadores do exercício Robotic Experimentation and Prototyping augmented by Maritime Unmanned Systems – REP (MUS) 2021. O evento conta com mais de 40 entidades, entre as quais 17 Marinhas (incluindo a dos EUA e a do Reino Unido), 15 Entidades de Investigação & Desenvolvimento, 1 Universidade e 8 organismos da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).
O REP (MUS) é um exercício de experimentação para Sistemas Marítimos Não Tripulados. Ele foi iniciado em 2010, com um protocolo entre a Marinha Portuguesa e a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), que ao longo dos anos tem crescido e suscitado interesse nacional e internacional de outras entidades. A edição de 2021 é coorganizada pela Marinha Portuguesa, Faculdade de Engenharia da FEUP, Centro da Organização de Ciência e Tecnologia da NATO para a Investigação e Experimentação Marítima (NATO STO CMRE) e a NATO Maritime Unmanned Systems Initiative (NATO MUSI).
A presença da Marinha do Brasil como observadora no REP (MUS) abre caminhos para a participação da Força, com veículos autônomos, bem como do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira, de Empresas e Universidades, em próximas edições do exercício, além de prospectar o Estado da Arte na área de Veículos Autônomos nos possíveis Teatros de Operações Marítimos em ambientes de superfície, submarino, aéreo e terrestre.
(CCSM/FM)
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *