Miniaturas de aeronaves empolgam crianças após desfile militar

Atração fez parte da cerimônia cívica de substituição da Bandeira Nacional na Praça dos Três Poderes

Miniaturas de aeronaves 1

Igor Scheneider tem cinco anos e se sentiu comandante de uma aeronave de caça F-5 neste domingo. O menino foi uma das dezenas de crianças que foram à Praça dos Três Poderes, em Brasília (DF), neste domingo (12/10) para acompanhar a cerimônia da substituição da Bandeira Nacional. Além de assistir ao desfile, elas puderam aproveitar para brincar com réplicas de aviões.

Miniaturas de aeronaves 2

A cerimônia é uma oportunidade de despertar e incentivar o culto aos símbolos da Pátria. “É muito importante termos esse tipo de evento. Antigamente a gente aprendia na escola, e isso foi retirado. É um pouco de patriotismo que é passado para os brasileiros”, avalia Elisama Rodrigues Henrique. Ela levou a filha Laura. “É o primeiro dia das crianças da minha filha, estou amando tudo”.

Miniaturas de aeronaves 6

Miniaturas de aeronaves 3

A substituição do pavilhão é realizada todos os meses em sistema de revezamento entre as Forças Armadas e Auxiliares do Distrito Federal. Ao lado do Brasão das Armas, do Selo Nacional e do Hino Nacional, a Bandeira Nacional é um dos ícones que representam o País, as marcas do povo brasileiro.

Miniaturas de aeronaves 5

Neste mês, em que comemora-se o Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira (23/10), a FAB levou para a esplanada grupamentos de aviadores e aeronavegantes, a companhia de cerimonial Santos-Dumont e o Batalhão de Infantaria Especial de Brasília. Os cães farejadores também desfilaram ao som do Hino do Aviador executado pela Banda da Base Aérea de Brasília. A Bandeira foi hasteada ao som do Hino Nacional e sob a salva de 21 tiros de canhão.

Miniaturas de aeronaves 4

O casal Dulce e Roni Seiffert, de Agudo, região central do Rio Grande do Sul, também aproveitou o domingo na capital federal para acompanhar a cerimônia ao lado da família. “Achei lindo, é emocionante. Esta é a primeira vez que viemos para Brasília. Tudo muito lindo”, afirma Dulce. “É incrível, a gente nem imaginava como funcionava isso”, afirmou Roni.

(CECOMSAER/ FM)

Bookmark the permalink.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>