Navio “Vital de Oliveira” conta com apoio médico-odontológico durante comissão operativa em águas internacionais

Navio “Vital de Oliveira” conta com apoio médico-odontológico durante comissão operativa em águas internacionais

Desde 2 de abril, por ocasião do início da Comissão “Oceano S V (Outono)/ Elevação do Rio Grande”, na região oceânica compreendida entre o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul, o Navio de Pesquisa Hidroceanográfico “Vital de Oliveira” conta com um reforço na área da saúde para sua tripulação e pesquisadores civis embarcados. Além de duas Praças da área de Enfermagem da própria lotação, dois oficiais do Corpo de Saúde da Marinha, um médico e uma dentista destacados, incorporaram-se à Divisão de Saúde.

A importância do embarque de profissionais de saúde em comissões de longa duração e com grande afastamento de costa, como a que vem sendo realizada pelo “Vital de Oliveira”, pode ser comprovada pelo número de atendimentos efetuados em pouco mais de dois meses de comissão. Foram realizadas 47 consultas médicas e 52 na área odontológica, com atendimentos tanto de militares quanto de pesquisadores civis embarcados.

A Capitão de Corveta (CD) Tarsila Cotta Campos, dentista destacada da Odontoclínica Central da Marinha, ressaltou a importância de sua atuação profissional a bordo. “A saúde bucal, entendida como indissociável do conceito de saúde geral, é um componente valoroso na manutenção da higidez física dos tripulantes do navio, sejam militares ou civis. A presença e atuação de profissionais especializados como o cirurgião-dentista traz mais segurança para a tripulação, o que influencia diretamente no moral de todos”, esclareceu.

O Guarda-Marinha (RM2-Md) Artur Renato Moura Alho, médico destacado da Policlínica Naval de Niterói, destacou sua satisfação em poder contribuir com o bom andamento da comissão. “Fazer parte dessa comissão é contribuir para o desenvolvimento do nosso País. Estar a bordo e presenciar o comprometimento de toda a tripulação para que a comissão seja bem sucedida me dá a certeza de que estamos trabalhando em prol da nação e me faz sentir que sou parte de algo maior, mesmo estando em meu primeiro ano a serviço da Marinha do Brasil”.

(CCSM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *