O Laboratório de Inspeção de Alimentos e Bromatologia na qualidade dos gêneros alimentícios

O Laboratório de Inspeção de Alimentos e Bromatologia na qualidade dos gêneros alimentícios

Curitiba (PR) – No âmbito do Exército Brasileiro, são adotadas dez classes de suprimento, dentre elas, existe a Classe I, que é composta por gêneros de subsistência, incluindo ração animal e água. Dentro da Logística, cabe aos batalhões de suprimento realizar o fornecimento desses itens e, especificamente no contexto da 5ª Região Militar (5ª RM), o responsável por prover a alimentação de todos os 16.800 militares desdobrados nos quartéis dos Estados do Paraná e de Santa Catarina é o 5º Batalhão de Suprimento (5º B Sup).

lab-1

Preocupados com a saúde de cada integrante da Força, e pensando no necessário cuidado com a qualidade de itens alimentícios, o Batalhão dispõe de um Laboratório de Inspeção de Alimentos e Bromatologia (LIAB) responsável por assessorar o Comando do Batalhão quanto aos assuntos relacionados à qualidade dos alimentos adquiridos pela 5ª RM e recebidos, armazenados, controlados e distribuídos às organizações militares apoiadas.

Os oficiais integrantes do LIAB analisam as características e especificações técnicas dos artigos da Classe I, submetidos a avaliações qualitativas, quantitativas e sensoriais, ou seja, cor, sabor, odor, aroma, aparência, textura e consistência, emitindo laudos quanto aos níveis sensorial, microscópico, físico-químico e microbiológico, confrontando os resultados obtidos com os previstos no Edital de Pregão Eletrônico da 5ª RM e no Catálogo de Especificações de Artigos de Subsistência e, assim, permitem a tomada de decisão sobre o recebimento ou a rejeição do artigo.

(CCOMSEX/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *