Presidente da República recepciona campeões da equipe brasileira de atletismo

Dois deles, atendidos pelo Programa Atletas de Alto Rendimento, são sargentos da Força Aérea Brasileira

Os atletas brasileiros medalhistas de ouro no Campeonato Mundial de Revezamento Masculino 4×100 em Yokohama, no Japão, foram recebidos, nesta terça-feira (21/05), pelo Presidente da República Jair Bolsonaro, no Palácio da Alvorada, em Brasília (DF). O quarteto pertence ao Programa Atletas de Alto Rendimento (PAAR), do Ministério da Defesa.

Dois dos integrantes da equipe campeã são militares da Força Aérea Brasileira (FAB) – os Sargentos Derick de Souza Silva e Jorge Vides. Os outros dois são os Sargentos Paulo André, da Marinha do Brasil, e Rodrigo Nascimento, do Exército Brasileiro. Junto com eles, ainda estavam os sargentos da FAB Caio Bonfim, competidor da marcha atlética, e Lorraine Martins, que participou do mundial na modalidade 4×100 feminino e terminou em quarto lugar.

Ao recepcionar a equipe, o Presidente Jair Bolsonaro ressaltou o feito dos integrantes das Forças Armadas e o primeiro lugar inédito para o Brasil na modalidade de revezamento 4×100. Para ele, esse é o fruto da dedicação, do empenho, da disciplina e do treinamento. “É preciso valorizar, reconhecer e tê-los como exemplo para toda a juventude do Brasil”, disse. “Representaram muito bem nosso país, é motivo de honra e satisfação recebê-los aqui”, concluiu o Presidente.

Os brasileiros terminaram a prova do revezamento com o tempo de 38s05, apenas dois centésimos a frente do quarteto norte-americano, que tinha na equipe Justin Gatlin, atual campeão mundial nos 100 metros rasos.

Segundo o Sargento Vides, isso representa um momento histórico para os atletas e para o Brasil. “Não imaginava essa repercussão. Sou muito grato pelo que está acontecendo em nossas vidas e por poder fazer parte da história do atletismo brasileiro”, avalia.

A Sargento Lorraine Martins participou de sua primeira competição na modalidade adulta. A equipe brasileira feminina de revezamento fez o tempo de 43s75, ficando atrás somente dos Estados Unidos (43s27), da Jamaica (43s29) e da Alemanha (43s68). Agora, as mulheres do atletismo, diz a militar, vão se preparar para os VII Jogos Mundiais Militares, que acontecem em outubro, e para as Olimpíadas 2020, no Japão. “O apoio [do PAAR] é muito importante para a gente se manter. Nós sabemos que podemos vencer”, completa a Sargento.

“Espero que venha mais. Vamos brigar por medalhas e pelo pódio em Doha e também no Japão.” A promessa é do Sargento Souza, que está no quarto mundial – o segundo no revezamento. De acordo com ele, o PAAR proporciona estabilidade no momento em que os clubes têm maiores dificuldades para apoiar o esporte. “Caiu como uma luva e deve ajudar muitas pessoas ainda”, concluiu o atleta.

O Sargento Caio Bonfim conquistou medalhas no Panamericano de 2015 e no Mundial de Atletismo de 2017. Competidor da marcha atlética, ele lembra do apoio que a FAB proporciona aos atletas. “Temos boa pista de atletismo, materiais, fisioterapia. Temos uma estrutura que a Força Aérea construiu e que fica como legado. Além disso, o apoio financeiro supre as necessidades. É um prazer representar as Forças Armadas”, avalia.

A prova

De acordo com uma publicação da Federação Internacional de Atletismo, o tempo alcançado no título mundial do revezamento 4×100 masculino foi a melhor marca do time do Brasil na história da modalidade. A FAB ainda teve um representante no revezamento 4×400 metros. O Sargento Alexandre Russo terminou na sexta colocação com a marca de 3m20s71. O título ficou com os atletas dos Estados Unidos, seguidos pelos canadenses e quenianos.

PAAR

O Programa de Atletas de Alto Rendimento das Forças Armadas é desenvolvido pelo Ministério da Defesa em parceria com o Ministério do Esporte. As seleções são feitas por meio de editais públicos que avaliam o currículo esportivo, resultados e posição no ranking. Ao serem incorporados à Marinha, ao Exército e à Aeronáutica, os atletas convocados são declarados Terceiros-Sargentos, incluídos no Quadro de Sargentos da Reserva de 2ª Classe Convocados (QSCON) e realizam o Estágio de Adaptação para Praças (EAP), que se destina a adaptar e preparar os incorporados às condições peculiares do Serviço Militar Temporário.

Confira o vídeo sobre a recepção dos atletas brasileiros no Palácio da Alvorada

Fotos: Soldado Wilhan Campos / CECOMSAER  e Kazuhiro NOGI / AFP

Vídeo: Soldado Matheus Silva / CECOMSAER

(CECOMSAER/FM)

 

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>