PROFESP é finalista em Prêmio internacional Paz e Desporto

PROFESP é finalista em Prêmio internacional Paz e Desporto

Brasília, 10/11/2016 – O Programa Forças no Esporte (PROFESP), desenvolvido em parceria pelos ministérios da Defesa, do Esporte e do Desenvolvimento Social e Agrário, está entre os três finalistas do prêmio internacional Peace & Sport Award 2016 (Paz e Desporto 2016). Concorrendo na categoria Federação do Ano, o Programa tem por objetivo democratizar o acesso à prática e à cultura do esporte, como fator de formação da cidadania e de melhoria da qualidade de vida, além de promover o desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social.

profesp-2

Criado em 2008, o Prêmio é concedido pela Organização pela Paz e pelo Esporte (“Peace and Sport, L’Organisation pour la Paix par le Sport”), e recompensa instituições e indivíduos que tenham contribuído de modo significativo para a paz, o diálogo e a estabilidade social no mundo por meio do esporte.

A Organização Paz e Esporte foi fundada em 2007 pelo medalhista olímpico e campeão mundial de pentatlo moderno, Joel Bouzou, com sede no Principado de Mônaco, na Itália. Este ano realiza a 9ª edição do Fórum da Paz e Esporte Internacional, de 23 a 25 de novembro, quando mais de 500 personalidades de destaque do mundo do esporte, político, acadêmico, setor privado e sociedade civil se reunirão para debater como o esporte pode ajudar a promover a paz sustentável e formar agentes de mudança comprometidos a trabalhar por um mundo melhor, mais justo e mais unido.

O Fórum tem como objetivo mobilizar a sociedade mediante o uso do esporte como um catalisador para estreitar os laços e redes sociais, bem como para promover a paz, a não violência, a tolerância e a justiça. O esporte é uma ferramenta de construção da paz poderoso e comprovado. Os resultados positivos gerados por meio do movimento desportivo demonstram que o esporte pode dar uma contribuição valiosa para inspirar e motivar a comunidade global na conquista desses ideais.

Os candidatos ao Prêmio concorrem apresentando as iniciativas locais, de forma que os projetos sirvam de inspiração e contribuição para o esporte no âmbito global. O vencedor será selecionado por um comitê de júri e anunciado durante a cerimônia de Prêmios de Paz e Esporte que acontecerá no dia 24 de novembro, no Principado de Mônaco.

Sobre o Profesp

Com atuação em 89 municípios de 26 estados brasileiros, o Programa Forças no Esporte beneficia aproximadamente 21 mil crianças e jovens que vivem em situação de vulnerabilidade social, com idades entre 6 e 18 anos, regularmente inscritos no sistema de ensino público.

Os alunos participam de atividades esportivas, educacionais, de lazer, de reforço escolar, de iniciação musical, de informática visando à inclusão digital e de oficinas de treinamentos que orientam para diversas especialidades técnicas, facilitando o ingresso no mercado de trabalho. As atividades ocorrem três vezes por semana em 158 Organizações Militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica.

O Profesp contribui para a redução da evasão escolar, a melhoria dos resultados educacionais, a redução da violência social dentro das famílias e das comunidades, a melhoria da saúde, a conscientização ambiental, a melhor integração social e o aumento do interesse pela prática esportiva, além de promover o trabalho em equipe e revelar jovens com potencial para se tornarem atletas de alto rendimento.

Fotos: Tereza Sobreira/ MD

(MD ASCOM/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *