Rio 2016: Atletas militares recebem apoio para os Jogos Olímpicos

Brasília (DF), 12/07/2016 - Participar dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 em casa é motivação ainda maior para os atletas brasileiros conquistarem medalhas, particularmente, para aqueles que vestem a farda das Forças Armadas e “carregam a marca Brasil no braço e no coração”. Exemplo é a 3º sargento Íris Silva Tang Sing, atleta de taekwondo, que ingressou no Exército quando achava que desistiria do esporte.

A 3º sargento Íris Silva Tang Sing, atleta de taekwondo, ingressou no Exército quando achava que desistiria do esporte

A 3º sargento Íris Silva Tang Sing, atleta de taekwondo, ingressou no Exército quando achava que desistiria do esporte

“Eu já estava pensando em parar por não ter onde treinar, além da ausência de patrocínio e salário. O Exército me abraçou na hora certa. A Instituição proporciona não só o suporte em dinheiro, mas também a estrutura. Além disso, fazer parte do Exército me tornou mais guerreira, mais patriota. Isso foi algo que comecei a adquirir aqui”, disse a militar, que integra o Programa Atletas de Alto Rendimento (PAAR) do Ministério da Defesa, durante treino no Centro de Capacitação Física do Exército (CCFEx).

Para garantir o pódio nos Jogos, a sargento Íris Tang tem intensificado os treinos e trouxe, por iniciativa própria, duas atletas da Turquia, que a ajudam a aperfeiçoar os golpes. “A atleta que treina comigo foi campeã mundial, mas não se classificou para os Jogos. Ela me ajuda com a técnica das asiáticas, porque elas treinam de maneira diferente. A intenção é chegar mais perto do ritmo de luta das atletas com quem vou competir”, ressaltou.

A pressão pela medalha é natural, mas a atleta está preparada para as cobranças que já começaram a surgir. “Todo mundo quer medalha, até mesmo porque as pessoas acompanham os Jogos mais de perto, já que as competições serão aqui, porém, essa cobrança me motiva. É importante o País torcer por seus atletas”, finalizou.

De olho no pódio

O líder do ranking internacional de tiro esportivo e um dos favoritos a medalha de ouro em sua modalidade, sargento Felipe Wu também fala sobre a preparação no Centro de Capacitação Física do Exército e a expectativa para os Jogos Rio 2016. Confira a matéria:

 

Foto: Felipe Barra/ MD

(MD ASCOM/ FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>