Secretários visam parceria entre os ministérios da Defesa e Justiça e Segurança Pública

Secretários visam parceria entre os ministérios da Defesa e Justiça e Segurança Pública

Na manhã de sexta-feira (18), o Programa Forças no Esporte (PROFESP) e o Projeto João do Pulo (PJP) foram pauta de reunião entre representantes dos ministérios da Defesa e Justiça e Segurança Pública. Para apresentar as ações do programa, o secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto (SEPESD/MD), Tenente-Brigadeiro do Ar da reserva Jeferson Domingues, recebeu o secretário Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad/MJSP), Luiz Roberto Beggiora.

Durante a reunião, o Diretor do Departamento de Desporto Militar (DDM) da Defesa, Major-Brigadeiro do Ar José Isaías Augusto de Carvalho Neto, apresentou as principais questões do programa. Atualmente, são mais de 30 mil beneficiados, incluindo as pessoas com deficiência, distribuídos em 203 organizações militares. “A dignidade em primeiro lugar e planejamento. Não existe improviso com as nossas crianças”, destacou.

O diretor de Gestão de Ativos, Giovanni Magliano, destacou que o objetivo da Senad é fomentar novas parcerias que tragam avanços para a política de drogas do Brasil. E que a aproximação entre os dois ministérios gera recursos para serem investidos no PROFESP, além de diminuir a exposição de brasileiros na criminalidade. “A importância desse programa está no resgate de valores”, ressaltou o secretário Luiz Roberto Beggiora.

20210618_GERAL2.png

Programas
Lançado em 2003, o PROFESP é desenvolvido pelo Ministério da Defesa, em parceria com os Ministérios da Cidadania; da Educação; e da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. As instituições parceiras contribuem com o custeio da alimentação, do pagamento dos professores, da compra de material esportivo e de uniformes. O PROFESP que tem como finalidade promover a valorização pessoal, fortalecer a integração social, a cidadania e reduzir os riscos sociais de crianças e adolescentes

O programa ocorre em, aproximadamente, 140 localidades do País, com atividades diversificadas. Há basquetebol, futebol de campo, atletismo, capoeira, ginástica rítmica, artística ou olímpica, artes marciais, natação, hipismo, vela, remo, canoagem, jogos de tabuleiro e brincadeiras de rua. Oferece, ainda, reforço escolar, com preparação para concursos, atividades com música, coral, teatro, visita a museus e promoção da cidadania e do civismo.

Criado em 2015 e integrado ao PROFESP, o Projeto João do Pulo é desenvolvido nas Organizações Militares (OM) das Forças Armadas. No início, o PJP era voltado somente para militares, com o objetivo de reintegração social daqueles que adquiriram deficiência física em consequência de acidentes ou enfermidades. Em 2019, o projeto expandiu para receber pessoas da sociedade civil, por meio de parcerias com os ministérios parceiro do PROFESP e com organizações, como a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e a Associação Vencedores Adaptados (AVA).

(MD ASCOM/FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *