Seleção militar masculina de voleibol é campeã mundial e seleção feminina leva medalha de prata

Brasília, 04/06/2018 - Entre os dias 26 de maio e 03 de junho fora realizados o 19º e o 36º Campeonatos Mundiais Militar de Voleibol Feminino e Masculino, respectivamente, na cidade de Edmonton, no Canadá. A equipe masculina venceu a China por 3×0 levando a medalha de ouro, e o time feminino conquistou a de prata, no jogo contra a equipe chinesa.

Este foi o quarto título mundial militar da equipe masculina. Renato Russomano, sargento do Exército, integra a equipe. Segundo o atleta, os jogos foram uma preparação para o Campeonato Mundial Militar que ocorrerá na China no próximo ano. “A gente tem que estar muito preparado para chegar lá e defender o nosso título”, considerou. Russomano segue uma rotina intensa de dois períodos de treinamentos diários. Ele está no Programa Atletas de Alto Rendimento (PAAR) desde 2011 e se orgulha de fazer parte da equipe. “Sempre tive esse sonho de jogar voleibol e encontrei aqui no Exército a oportunidade de jogar pelo meu país”, disse.

A Bruna Honório, também sargento do Exército, participa do PAAR desde 2013. Ela representou o Brasil nos Jogos Mundiais Militares da Coreia do Sul, em 2015. A sargento Bruna foi eleita, neste ano, pela Confederação Brasileira de Vôlei como a atleta com o melhor saque da Superliga Feminina. “Eu adoro o grupo que a gente formou, e representar o Brasil e as Forças Armadas em campeonato internacional é alto nível. Me sinto honrada por fazer parte deste programa”, afirmou.

O Campeonato mundial militar de voleibol masculino e feminino segue até a próxima terça (5), com um dia cultural e despedida das delegações.

Equipes militares

O time militar feminino venceu campeonatos mundiais militares em 2010, 2012 e 2014 e os Jogos Mundiais Militares de 2011 e 2015. Destaca-se que a equipe feminina permanece invicta em importantes competições internacionais desde a criação do Programa de Atletas de Alto Rendimento, do Ministério da Defesa.

PAAR

O Ministério da Defesa em parceria com o Ministério do Esporte criou, em 2008, o Programa de Incorporação de Atletas de Alto Rendimento às Forças Armadas Brasileiras. O alistamento é feito de forma voluntária e o processo de seleção leva em conta os resultados dos atletas em competições nacionais e internacionais.

Por Mariana Areias

Com informações e fotos: CISM

(MD ASCOM/FM)

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>