Superação pela força do esporte

Superação pela força do esporte

Militares atletas competem nos Jogos Desportivos do Exército e mostram como foco e disciplina são primordiais para se alcançar o sucesso

Durante os Jogos Desportivos do Exército, atletas de todo o País se reúnem em Brasília para competir e celebrar a prática esportiva. Cada um deles com suas histórias, que aliam a vida militar à prática desportiva. Nesse contexto, dois desses 400 atletas mostram que foco e disciplina são atributos essenciais para se alcançar vitórias na vida, no trabalho e no esporte.

BASQUETE 2

O primeiro deles é o Cabo Lucas Bomfim Nascimento, natural de Salvador, onde, desde criança, brincava de basquete em terrenos improvisados na cidade. Mesmo com todas as dificuldades, começou a participar dos campeonatos do colégio e sua habilidade foi rapidamente percebida. Com o auxílio do treinador de um clube da cidade, descobriu-se pivô do time e foi campeão estadual em sua categoria. Seu sonho sempre foi ingressar no Exército. Incorporou no 19º Batalhão de Caçadores e logo se destacou, sendo convidado a fazer o curso de cabo. Suas habilidades nessa modalidade desportiva foram notadas e ele foi convocado para a equipe do Comando Militar do Nordeste (CMNE) para os Jogos Desportivos do Exército em 2013.

A determinação em ser alguém na vida e dar orgulho a sua mãe motivou-o a prestar vestibular e cursar Educação Física. As dificuldades tiveram início dentro de sua própria casa. O pai nunca o apoiou no esporte e acreditava que ele seria vendedor de mercadorias em semáforos da cidade. Nem isso o desestimulou. Além das atividades no quartel e do curso de educação física, o Cabo Lucas Bomfim treina basquete nos fins de semana e auxilia como instrutor de musculação na academia do quartel. Desistir é uma palavra que não está no vocabulário do Cabo Lucas Bomfim. Ele afirma que “se a pessoa quer vencer na vida, tem que se descobrir em alguma área. O militarismo é uma forma de aprender outro caminho de vida”.

BASQUETE 1

Outro exemplo de vida é a história do Soldado Charles Mendes de Souza, que ingressou nas fileiras do Exército Brasileiro em 2010, no 8º Batalhão de Polícia do Exército, em São Paulo. Antes de ser militar, o Soldado Charles jogava basquete no time do Corinthians e, após ser incorporado ao Exército, informou que era atleta. Desde então, passou a jogar no time do Comando Militar do Sudeste (CMSE). De acordo com o Soldado Charles “o Exército Brasileiro nos faz ter disciplina, nos ajuda a ter foco, determinação, buscando sempre alcançar os objetivos”.

A força de vontade e a determinação foram primordiais para a decisão de iniciar sua faculdade de Educação Física, que ainda está em curso. Seu objetivo de vida é trabalhar com o esporte, pincipalmente o basquete. Após a graduação, tem o sonho de ingressar uma pós-graduação e se tornar técnico esportivo. Para o atleta, a equipe de basquete do CMSE realizou um forte treinamento focado nos resultados.

Os militares deram conselhos para os jovens que querem se tornar atletas e também militares, mostrando como a força de vontade é essencial para alcançar seus objetivos de vida.

Assista ao vídeo da entrevista com os atletas

(CCOMSEX/ FM)

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *