Troca de experiências marca apoio israelense ao Brasil

O Subchefe de Operações do Ministério da Defesa, Almirante Ralph Dias, despediu-se, na tarde da quinta-feira (10), do grupo de 11 bombeiros militares que estavam na Região Amazônica apoiando os trabalhos da Operação Verde Brasil.

A Operação é executada por militares das Forças Armadas, coordenados com órgãos de controle ambiental e de segurança pública, para o combate às queimadas e repressão ao desmatamento da floresta e do garimpo ilegal.

Na ocasião, o Almirante Ralph agradeceu o apoio prestado e desejou bom retorno ao grupo. “Conseguimos boa parceria no nível tático, no nível de campo. Isso mostra que foi muito proveitosa a vinda da equipe israelense”, declarou o Almirante.

Grupo israelense trocou conhecimentos sobre táticas de combate a incêndios florestais com equipe brasileiraGrupo israelense trocou conhecimentos sobre táticas de combate a incêndios florestais com equipe brasileira

O deputado do Distrito Norte de Israel e chefe da equipe, Yair Elkayam, agradeceu a hospitalidade dos brasileiros e ressaltou o conhecimento adquirido. “Quero agradecer pela oportunidade de virmos apoiar, aprender e atuar no combate às queimadas na Amazônia”, disse.

A equipe chegou ao Brasil, na quarta-feira, dia 04, e ficou baseada na 17º Brigada de Infantaria de Selva, em Porto Velho (RO). No estado da Região Norte, os militares estrangeiros atuaram em patrulhas realizadas em parceria com brigadistas brasileiros do IBAMA, do ICMBIO e do CBM/RO e com a equipe de fiscalização e segurança da Polícia Militar Ambiental e do Exército Brasileiro.

Sistema de proteção

No período de permanência, os israelenses reuniram-se com equipe do Centro de Monitoramento da Operação, em Porto Velho, localizado no Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (CENSIPAM). No local, receberam informações sobre a situação e puderam trocar experiências.

Por meio da localização dos focos de calor indicada pelos os satélites do CENSIPAM, a equipe formada pelos militares e os integrantes das agências conteve focos de incêndio em uma área de aproximadamente 1.100 km².

A ação ocorreu na região da Floresta Nacional de Jacundá, município de Candeias do Jamari (RO). Os israelenses trouxeram sensores tecnológicos, equipamentos para combater incêndios em zona rural, drones e um aplicativo desenvolvido para essa missão.

“Aprendemos muito da tática como trabalham, muito efetiva na zona da Amazônia, que não conhecíamos antes”, destacou o chefe da equipe israelense.

Por Lane Barreto

Foto: Keven Cobalchini

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>